Fonte: OpenWeather

    Obras


    Vídeo: abandonado, antigo hotel de luxo será polo de cursos em Manaus

    O prefeito de Manaus Arthur Neto disse que iniciou as obras no antigo Hotel Cassina com o objetivo transformar o local em um polo de desenvolvimento tecnológico e investimento em empresas “Sturtups”

    De acordo com o prefeito, a reforma do Hotel Cassina está avaliada em R$ 12 milhões e que empresa responsável pela obra é a construtora Biapó
    De acordo com o prefeito, a reforma do Hotel Cassina está avaliada em R$ 12 milhões e que empresa responsável pela obra é a construtora Biapó | Foto: Izaías Godinho

    Manaus - O prefeito de Manaus, Arthur Neto, disse que iniciou as obras no antigo Hotel Cassina com o objetivo de transformar o local em um polo de desenvolvimento tecnológico e investimento em empresas “Sturtups”. A declaração foi dada nesta quarta-feira (18), na esquina das ruas Bernardo Ramos e Governador Vitório, onde o prédio está localizado. A obra faz parte do programa “Manaus Histórica” e comemora os 350 anos da capital.

    ”A minha ideia é fazer do templo da desperdício, o templo da economia 4.0", disse o prefeito
    ”A minha ideia é fazer do templo da desperdício, o templo da economia 4.0", disse o prefeito | Foto: Izaías Godinho

    De acordo com o prefeito, a reforma do Hotel Cassina está avaliada em R$ 12 milhões. A empresa responsável pela obra é a construtora Biapó, responsável pelas obras no Mercado Adolpho Lisboa, também no Centro de Manaus.

    ”A minha ideia é fazer do templo do desperdício, o templo da economia 4.0. Entregar aos nossos jovens, que trabalham com informática e criação, um polo de alto conteúdo tecnológico”, frisou Arthur Neto.

    O titular da Secretaria Municipal do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi) Marcos Pessoa salientou que afirmou que outros órgãos municipais estão trabalhando  em conjunto para a criação de polos tecnológicos em Manaus e a reforma do Hotel fomenta o empreendedorismo na região. “Junto à Secretaria Municipal de Finanças (Semef), estamos criando uma legislação extrafiscal e fiscal para incentivar as empresas “Sturtups” a virem para um ambiente inovador e oferecer as condições necessárias para que elas evoluam”, disse o secretário.

    Sobre o Hotel Cassina

    O antigo Hotel Cassina foi construído em 1899, sendo o primeiro estabelecimento de hospedagem de primeira classe em Manaus. O nome se deu por conta do proprietário, Andrea Cassina, um comerciante italiano que, como tantos imigrantes, buscava na riqueza do extrativismo da borracha oportunidades de ganho no comércio.

    Inicialmente, a reforma do Cassina integrava o PAC Cidades Históricas, do governo federal. Por conta de questões relacionadas ao repasse de recursos, a Prefeitura de Manaus assumiu o projeto com recursos do próprio tesouro municipal, assim como as obras de recomposição das características originais e adaptações aos tempos modernos, incluindo acessibilidade, do Pavilhão Universal, da antiga Câmara Municipal e da Biblioteca Municipal João Bosco Evangelista.

    A obra de restauro foi aprovada junto ao Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e prevê a conservação das fachadas e da vegetação na parte inferior, além da inserção de uma estrutura central independente, que permite suspender os pavimentos superiores acima do volume existente, sem interferir na estrutura antiga.

    Acompanhe a transmissão do Portal Em Tempo:

    Assista à reportagem da TV Em Tempo:

    Assista a reportagem | Autor: Juliano Couto/ TV Em Tempo
     


    Comentários