Fonte: OpenWeather

    diversão


    Como se divertir em Manaus com até R$ 30?

    Capital amazonense e adjacências reservam um leque de alternativas e para quem quer economizar. O EM TEMPO reservou algumas opções

    Manaus - Feriado é sinônimo de entretenimento e relaxamento, mas nem sempre a vontade de sair combina com o saldo da nossa conta bancária. Por este motivo, encontrar alternativas para aproveitar a região sem gastar muito tornou-se a melhor opção para quem deseja economizar.

    O Em Tempo preparou uma lista de lugares alternativos para você aproveitar a capital amazonense gastando até R$30. Confira!

    Museu do Seringal

    | Foto: Caçadores de bibliotecas

    Uma agradável viagem na história do ciclo da borracha, principal atividade econômica da Amazônia no final do século XIX e início do XX, é o que se pode ter com uma visita ao Museu do Seringal Vila Paraíso, em Manaus.

    Para chegar no museu, o melhor a fazer é pegar uma voadeira (lancha) na Marina do Davi (no trecho final da avenida Coronel Teixeira, mais conhecida como Estrada da Ponta Negra). Outra saída é o Píer do Hotel Tropical, caso o visitante esteja hospedado no local.

    O Museu do Seringal é, na realidade, o cenário de um filme: “A Selva”, de 2002, baseado em livro homônimo do escritor Ferreira de Castro, de 1930. O filme teve como protagonistas os atores Maité Proença e Chico Diaz. Mas isto é o que menos importa.

    O acesso até a Marina do Davi pode ser por ônibus e por táxi, para quem estiver no Centro da cidade. A linha que leva até o local é a 120, cuja estação final fica nas proximidades da Marina. De táxi, aos domingos, a viagem leva em torno de 30 minutos do Centro. O valor da viagem ida e volta de voadeira até o Museu do Seringal é R$ 18. O ingresso custa R$ 5.

    O funcionamento é todos os dias das 09h às 15h30. Entretanto, o museu fechará na Sexta-Feira Santa, abrindo para visitação no sábado e domingo (20 e 21/4), das 9h às 15h30.

    Museu da Amazônia

    O Museu da Amazônia (Musa) possui jardim botânico e trilhas, mas é mais conhecido pelos amazonenses devido à famosa torre de observação.
    O Museu da Amazônia (Musa) possui jardim botânico e trilhas, mas é mais conhecido pelos amazonenses devido à famosa torre de observação. | Foto: Reprodução internet/Dayana Souza

    O Museu da Amazônia (Musa) possui jardim botânico e trilhas, mas é mais conhecido pelos amazonenses devido à famosa torre de observação. Com 42m de altura, a torre é utilizada para pesquisas climáticas e observação de aves - além de, é claro, proporcionar uma bela vista do tapete verde amazônico. A entrada é R$ 30 para visita sem guia.

    Para quem é manauara ou estudante, basta apresentar o RG e comprovante de residência para pagar meia entrada. O Musa fica na avenida Margarita, sem número, Cidade de Deus.

    A torre funciona de segunda a domingo (exceto quartas-feiras), das 8h30 às 16h. Para quem quer assistir o nascer e o pôr-do-sol é necessário agendamento através do número 3582-3188.

    Bosque da Ciência

    Bosque da Ciência a entrada custa R$ 5
    Bosque da Ciência a entrada custa R$ 5 | Foto: Divulgação/ Bosque da Ciência

    No meio do coração da cidade, você pode conhecer de perto um pouco da fauna e flora que o Amazonas possui. Localizado na avenida Otávio Cabral, Aleixo, zona Centro-Sul de Manaus, o Bosque da Ciência possui 13 hectares de área verde, com fragmentos florestais e exemplares da fauna amazônica.

    Trilhas, lagos, tartarugas, peixes-boi e muito mais, fazem parte das atrações que o lugar oferece. As trilhas cortam a mata fechada e, se você der sorte, pode até cruzar com algum animalzinho silvestre no caminho.

    As visitas podem ser feitas de terça a quinta-feira, no horário de 9h às 12h e de 14h às 16h. Já nos finais de semana e feriados a visitação é de 9h às 16h. Entretanto o Bosque não abrirá nesta sexta-feira Santa.A entrada para o Bosque da Ciência custa R$ 5. Crianças e idosos não pagam.

    Balneário Recanto do Quixito

    Balneário Recanto do Quixito é uma das opções mais procuradas. Localizado na avenida Flamboyant 2, Distrito Industrial 2.
    Balneário Recanto do Quixito é uma das opções mais procuradas. Localizado na avenida Flamboyant 2, Distrito Industrial 2. | Foto: Divulgação

    Para quem quer fugir do calor de Manaus e não quer pegar a estrada, o Balneário Recanto do Quixito é uma das opções mais procuradas. Localizado na avenida Flamboyant 2, Distrito Industrial 2, Zona Sul da capital, o balneário possui diversas piscinas e ambiente repleto de natureza. A diversão é garantida por apenas R$ 5 de quarta à sexta-feira das 09h às 16h. Crianças neste período pagam apenas R$ 3.

    Já nos finais de semana e feriado, a entrada custa R$ 10 para adultos e R$ 5 para crianças com mais de 5 anos de idade. O empreendimento também oferece pernoite para quem quiser passar o fim de semana nos chalés do balneário.

    O consumo de alimentos deve ser adquirido no próprio empreendimento. Levar alimentação é proibido. Para mais informações basta ligar para 99236-0711.

    Passear de bike

    O Manôbike é um projeto de bicicletas compartilhadas
    O Manôbike é um projeto de bicicletas compartilhadas | Foto: Manôbique

    E que tal se exercitar e conhecer Manaus ao mesmo tempo? O Manôbike é um projeto de bicicletas compartilhadas. Através de cadastro no site ou no aplicativo, você pode retirar a bicicleta na estação Manôbike mais próximo de você. As estações possuem diversos modelos de bicicletas, com lâmpadas de sinalização.

    A capital conta com um total de 15 pontos para retirada das bikes. Os mais recentes estão na esquina das ruas Ramos Ferreira e Major Gabriel; na avenida Sete de Setembro, no final da ponte de ferro, em frente ao mercado municipal Walter Rayol; próximo ao Terminal 1 (T1), na avenida Constantino Nery, quase na esquina com a Leonardo Malcher; e no Terminal 2 (T2), na Cachoeirinha, na avenida Manicoré, esquina com Carvalho Leal. A estação que funcionava antes na rua Miranda Leão foi transferida para a praça da Matriz.

    O sistema funciona de segunda-feira a domingo, das 6h às 23h, para retirada do equipamento, e 24 horas para devolução. No site www.manobike.com.br, o usuário pode se cadastrar e conhecer mais detalhes do projeto.

    Após cadastro no aplicativo ou no site o usuário do Manôbike tem a opção de adquirir o passe mensal (R$ 10) ou diário (R$ 5), e não paga valor adicional desde que use de acordo com as regras do projeto.

    ZOO do CIGS

    O Cigs também possui um aquário com espécies amazônicas e uma exposição dedicada à história do Exército no Amazonas
    O Cigs também possui um aquário com espécies amazônicas e uma exposição dedicada à história do Exército no Amazonas | Foto: Amazonas e mais

    Não é só turista que sonha em ver uma onça-pintada de perto. No Centro de Instrução de Guerra na Selva (Cigs) você pode fazer isso e ver mais 200 animais da fauna amazônica. Localizado na avenida São Jorge, São Jorge, zona Oeste de Manaus, o local pertence ao Exército Brasileiro.

    Por apenas R$ 5 você pode conferir macacos, peixes, antas, tucanos, tartarugas e muito mais. O Cigs também possui um aquário com espécies amazônicas e uma exposição dedicada à história do Exército no Amazonas. O zoológico funciona de terça a sexta-feira, das 9h às 17h. Nos finais de semana e feriados, você pode conferir as atrações de 9h às 18h.

    Pauta e edição: Bruna Souza

    Leia Mais

    5 dicas para se divertir em Manaus com até R$ 10

    Último navio da Temporada de Cruzeiros chega a Manaus com 780 turistas

    Conheça praias em Manaus e região para se divertir no fim de semana


    Comentários