Fonte: OpenWeather

    Vida & Sucesso


    Elsys dribla crise e investe em indústria 4.0 e mão de obra no PIM

    Enquanto outras empresas do Polo Industrial de Manaus demitem funcionários, somente neste ano, a empresa apresentou aumento de 11% na folha

    Em 2019, empresa teve aumento de 11% na geração de empregos, mesmo com cenário em crise. | Foto: Lucas Silva

    Manaus - Apesar da crise que deixa o mercado em alerta, no último ano a Elsys Indústria Eletrônica LTDA investiu R$ 3 milhões para a reforma da fábrica em Manaus e aumentou seu quadro de colaboradores. De 2017 para 2018 houve aumento de 20% de geração de empregos; de 2018 para 2019, foram 11%. "Nós sempre nos reinventamos, mas nunca perdemos o que somos, apenas incorporamos", afirma o diretor comercial nacional da Elsys, Claudio Blatt.

    Conectar pessoas e transformar vidas. Este é o propósito da Elsys, empresa com larga experiência no mercado de eletroeletrônicos e telecom presente no mercado amazonense desde 1992. Há 30 anos no país, na contramão do desenvolvimento tecnológico pensado apenas para as grandes capitais, a Elsys tem mais 70% dos seus clientes nos interiores do país. 

    Seu primeiro produto a conquistar o público das regiões mais remotas foram as antenas parabólicas. Hoje, seu catálogo de produtos abrange TV aberta e por assinatura, dispositivos de streaming, amplificadores de sinal, equipamentos de áudio e acessórios, equipamentos de segurança, serviços de pós-venda e, mais recentemente, soluções de energia solar, IoT (em inglês: Internet of Things, internet das coisas) e agro. 

    A empresa foi a primeira da América Latina a ter um dispositivo de streaming homologado pelo Google e Netflix. O Smarty oferece todo o conteúdo e entretenimento da internet na sua TV, com controle remoto por comando de voz.

    Criada pelo engenheiro eletrônico argentino Victor Blatt, sua sede fica localizada em Valinhos, município do interior de São Paulo, suas outras duas unidades ficam em Manaus e na China.

    A aposta em inclusão digital para localidades do interior do país vem do pressuposto de oferecer soluções tecnológicas para necessidades humanas. Os produtos e serviços são comercializados por uma rede com mais de 30 mil pontos de venda espalhados por todo o Brasil. Os itens de seu portfólio também levam entretenimento e conectividade para Argentina, Colômbia e México. 

    Outro braço da empresa é a fabricação de produtos e componentes para outras empresas, como Brastemp, Kaon, Oi, Whirlpool, Mondial, Claro e Consul. A Elsys também realiza 100% das operações nacionais da Hughes Network Systems, empresa americana que é líder mundial no fornecimento de banda larga via satélite. 

    Parque tecnológico 

    Monitor mostra rendimento das máquinas hora a hora.
    Monitor mostra rendimento das máquinas hora a hora. | Foto: Lucas Silva

    O parque tecnológico da Elsys em Manaus fabrica uma média de 15 mil produtos por dia. Neste montante estão inseridos produtos próprios e componentes para outras empresas parceiras. 

    Nos mais de 10 mil metros quadrados da empresa em Manaus, o parque se destaca por seguir as bases da Indústria 4.0. A  Quarta Revolução Industrial é uma expressão que engloba algumas tecnologias para automação, troca de dados e utiliza conceitos de sistemas ciberfísicos, internet das coisas e computação em nuvem.

    Parque tecnológico da Elsys em Manaus.
    Parque tecnológico da Elsys em Manaus. | Foto: Lucas Silva

    O ambiente interligado permite que os setores de manutenção e estoque acompanhem as máquinas sem precisar estar dentro do parque tecnológico, a cada 15 minutos um destes sistemas é atualizado. Hora a hora a performance das máquinas é medida. O colaborador também pode ver seu desempenho em tempo real. 

    Gente e gestão

    Política de gente e gestão é um dos principais diferenciais da Elsys.
    Política de gente e gestão é um dos principais diferenciais da Elsys. | Foto: Lucas Silva

    "Nossos clientes são pessoas, nossos fornecedores são pessoas, nossos colaboradores são pessoas. Nós entendemos  que cada vez mais precisamos ser especialistas em pessoas", afirma Eduardo Sousa, responsável pelo setor de manufatura, engenharia e qualidade da Elsys Manaus. 

    De acordo com a responsável pelo setor de gente e gestão, Joana Pontes, a Elsys tem índice de mais de 90% de satisfação dos funcionários.  Dado que reforça o número de turnover, também conhecido como a taxa de rotatividade dos colaboradores em uma empresa, que na Elsys é menos de 1%. Para empresas nacionais do mesmo ramo, a média é de 3%. 

    Somente na capital amazonense são 300 funcionários contratados para as áreas de engenharia, produção, administração e manufatura. Para acomodar bem cada um destes colaboradores, a Elsys investiu na criação de uma área comum, denominada Espaço Victor Blatt, um complexo descanso voltado para o bem-estar da comunidade interna. 

    A sala de descanso permite que os funcionários relaxem em sofás e poltronas, brinquem com jogos de mesa e sinuca, e ainda contem com uma área exclusiva para uso de computadores e leitura, o Espaço Saber. 

    Elsys tem 300 funcionário em Manaus.
    Elsys tem 300 funcionário em Manaus. | Foto: Lucas Silva

    Para que as mulheres se sintam mais confortáveis, a empresa abriu no Espaço Victor Blatt, uma sala exclusiva para o público feminino. No Espaço da Mulher, as funcionárias podem descansar em ambiente exclusivo e desfrutar de programações especiais no decorrer do ano. 

    A alimentação dos colaboradores acontece no refeitório, que possui conceito de cozinha inteligente. Trata-se de um serviço de alimentação que reestrutura os processos em todas as etapas do preparo das refeições, do recebimento dos insumos até a apresentação de cada prato servido por meio de tecnologia em equipamentos específicos, processos simplificados que agilizam o dia a dia dos colaboradores e foco no bem-estar. 

    A empresa oferece também ambulatório e espaço para assistência médica.  Além de 'dress code' que permite que os funcionários possam ir trabalhar de bermuda. A permissão foi pensada para que fiquem mais confortáveis no clima manauara. 

    Além disto, Joana explica que o setor de gente e gestão estimula desenvolvimento de líderes e competências por meio de programações diferenciadas com o objetivo de promover saúde no ambiente profissional e social. 

    Semanalmente os colaboradores participam do Diálogo de Segurança, onde conversam sobre segurança, bem-estar, saúde e organização. Mensalmente ocorre o Café com Ideia, uma reunião geral para apresentar métricas e direcionamentos. Já no Café com Resenha, a diretoria tem a oportunidade de ouvir o feedback dos funcionários. 

    Recrutamento 

    "A gente tem um programa de recrutamento interno muito legal. Tanto aqui (Manaus), quanto em Valinhos, as pessoas conseguem fazer carreira aqui dentro", explica o diretor comercial nacional, Claudio Blatt. 

     

    Claudio Blatt, diretor comercial da Elsys.
    Claudio Blatt, diretor comercial da Elsys. | Foto: Lucas Silva

    Segundo o diretor, a prioridade para o preenchimento de vagas que surgem na empresa é para o público interno, para que as pessoas tenham oportunidade de crescer na instituição.

    O responsável pelo setor de manufatura, engenharia e qualidade da Elsys Manaus, Eduardo Sousa é um destes exemplos. O profissional começou como estagiário. 

    Sustentabilidade

    Elsys aposta em inclusão digitaL
    Elsys aposta em inclusão digitaL | Foto: Lucas Silva

    A preocupação com o meio ambiente também faz parte das inquietações desta instituição de tecnologia. Todo o papel que seria usado para elaboração de manuais e relatórios foi substituído por documentos digitais que ficam disponíveis em tablets para os colaboradores. 

    Outra política levada à sério na Elsys é a economia de energia elétrica, que em breve terá também maior uso de energia solar, que é um dos produtos da empresa. 

    Também nesta perspectiva, toda a água da Elsys Manaus passa por estação de tratamento dentro de sua estrutura, para que não polua os rios quando for eliminada. 

    Comentários