Fonte: OpenWeather

    FGTS


    Governo anuncia regras para saque do FGTS

    O presidente também confirmou que o saque será limitado a R$ 500 por ano

    O anúncio da medida e da liberação do PIS/Pasep está marcado para esta quarta | Foto: Divulgação

    O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quarta-feira, 24, que a liberação do saque do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) é uma medida emergencial para ajudar a economia do País, principalmente o setor de comércio. O presidente também confirmou que o saque será limitado a R$ 500 por ano, mas disse que até "a última hora" tudo pode mudar. 

    O presidente também disse que a liberação do PIS/Pasep desburocratizará a obtenção do recurso em caso de falecimento. "A coisa do PIS/Pasep também desburocratiza bastante. Quando uma pessoa falece, o parente tira sem burocracia, apenas com a palavra, com documento. A gente está facilitando muita coisa emergencial, porque a nossa economia não vai bem. Se bem que já está dando sinais de recuperação e acho que dá para a gente ajudar bastante no corrente ano e entrar um dinheirinho no comércio", afirmou o presidente.

    Leia mais:

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    Liberação do FGTS deve ser anunciada só na semana que vem

    Governo estuda liberar FGTS de contas inativas

    Comentários