Fonte: OpenWeather

    Crédito


    220 produtores rurais receberam financiamento de R$ 3,4 milhões no AM

    Maior parte dos recursos oriundos da Afeam foi destinada a pescadores artesanais

    O crédito alcançou 220 pescadores artesanais, produtores rurais e agricultores familiares de 16 municípios do estado
    O crédito alcançou 220 pescadores artesanais, produtores rurais e agricultores familiares de 16 municípios do estado | Foto: Divulgação

    Manaus - Neste período de pandemia, o Crédito Rural da Agência de Fomento do Amazonas (Afeam), realizado em parceria com o Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado (Idam), ultrapassou a marca de R$ 3,4 milhões em financiamentos.

    O apoio de crédito do Governo do Amazonas alcançou aproximadamente 220 pescadores artesanais, produtores rurais e agricultores familiares de 16 municípios do estado.

    O município de Anamã (distante a 165 quilômetros de Manaus) é o maior em valor aplicado, totalizando mais de R$ 698,5 mil em 51 operações de crédito. A maior parte dos recursos foi destinada a pescadores artesanais para garantir a manutenção da atividade com a compra de equipamentos de pesca, canoas de alumínio, motores de popa, rabetas, dentre outros.

    Crédito Rural 

    O Programa Afeam Agro é destinado ao fomento das atividades de agricultores familiares, produtores rurais, extrativistas, pescadores artesanais e demais atividades inseridas nas cadeias produtivas da agricultura e pecuária. Para ter acesso ao programa é necessário procurar a Unidade Local do Idam nos municípios de todo o estado.

    Cadeia de pesca 

    Segundo Marcos Vinicius Castro, diretor-presidente da Afeam, os recursos aplicados até o momento, tendo a atividade de pesca como a maior em volume de operação, demonstram assim um potencial a ser financiado pelo Governo do Estado nos demais municípios.

    Para mais informações e acesso à linha de financiamento, basta acessar o site da Afeam: www.afeam.am.gov.br.

    *Com informações da assessoria

    Leia mais:

    Conheça dez praias e cachoeiras para fugir do calor amazonense

    Moradores vivem há meses sem o serviço de água no João Paulo

    Alerta: Igarapés de Manaus podem mudar PH do Rio Negro

    Comentários