Fonte: OpenWeather

    Investimentos


    Bioeconomia amazônica terá rodada internacional de negócios em julho

    A proposta da BCB é conectar compradores de todo o mundo com micro, pequenas e médias empresas (MPMEs) da Amazônia brasileira

     

    O fortalecimento da bioeconomia também pode contribuir com a diversificação da matriz econômica local
    O fortalecimento da bioeconomia também pode contribuir com a diversificação da matriz econômica local | Foto: Divulgação

    Manaus - As riquezas biológicas da Amazônia brasileira vêm ganhando cada vez mais espaço no cenário global, em especial diante do fortalecimento do tema sustentabilidade. Diante desta realidade, entre os dias 12 e 15 de julho será realizada a "Business Connection Brazil (BCB): Amazônia", uma rodada internacional de negócios da bioeconomia Amazônica voltada, principalmente, para alimentos & bebidas, cosméticos e insumos biológicos. O Centro de Biotecnologia da Amazônia (CBA) vai marcar presença noevento virtual e gratuito.

    A proposta da BCB é conectar compradores de todo o mundo com micro, pequenas e médias empresas (MPMEs) da Amazônia brasileira que forneçam produtos típicos regionais.

      A iniciativa deve contribuir com o impulsionamento da bioeconomia amazônica através da promoção de negócios locais relacionais com alimentos, bebidas, cosméticos e insumos biológicos amazônicos, colaborando para o desenvolvimento econômico e sustentável da riqueza biológica ainda pouco explorada da região.  

    "A ideia é conectarmos potenciais investidores e grandes empresas ao crescente mercado bioeconômico local, aliando os insumos de origem amazônica às mais altas tecnologias disponíveis hoje no mercado global para trabalharmos no desenvolvimento sustentável de nossa região, o que deve favorecer a sociedade local e estimular negócios com forte potencial bioeconômico", destaca o gestor do CBA, Fábio Calderaro. 

    O fortalecimento da bioeconomia também pode contribuir com a diversificação da matriz econômica local, principalmente devido ao forte potencial desta atividade em meio à diversidade de insumos que a floresta amazônica tem a oferecer.


    "

    O CBA, como apoiador do evento, já atua com pesquisas que envolvem uma variada gama de insumos de origem regional e entende quão importante é a riqueza biológica local para a economia, para a sociedade e para a sustentabilidade. Voltarmos esforços para o fomento de atividade que envolvam bioeconomia é entender a evolução do mercado global "

    Fábio Calderaro, gestor do CBA

     

    Organização e inscrições

    O "Business Connection Brazil: Amazônia" é realizado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) - Connect Americas em parceria com o Programa de Facilitação de Comércio no Brasil, Governo Britânico, Palladium Group, Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), Confederação Nacional da Indústria (CNI), Plano Nacional da Cultura Exportadora (PNCE), Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e apoiado pelo Centro de Biotecnologia da Amazônia (CBA).

    Os interessados em participar devem estar enquadrados nos critérios de seleção disponíveis no site, no qual podem, também, se inscrever e testar a plataforma virtual do evento.

    *Com informações da assessoria

    Veja mais:

    Em evento, potencial manauara para o turismo de negócios é destacado

    Fórum que atrairá negócios para a região amazônica ocorre em junho

    Suframa e UEA assinam acordo em prol do turismo e da bioeconomia

    Comentários