Fonte: OpenWeather

    Cenas Picantes


    Os 10 filmes com as melhores cenas picantes

    Confira uma seleção de filmes que levou o erotismo a outros níveis para as telonas

    Cenas bem dirigidas, com atores talentosos provocam sensações como tensão, tristeza, alegria e também o prazer | Foto: Divulgação

    Quem não se lembra da cruzada de pernas de Sharon Stone em “Instinto Selvagem”? A 7ª arte é um importante meio de ampliar a nossa imaginação e trazer à tona alguns fetiches. Cenas bem dirigidas, com atores talentosos provocam sensações como tensão, tristeza, alegria e também o prazer.

    Nos deparamos com filmes ousados que mexem com a libido e o fetiche dos espectadores, capazes até de deixá-los constrangidos, ainda mais quando acontece uma identificação com personagens ou admiração física pelo atores.

    Selecionamos 10 filmes com cenas de sexo capazes de alimentar fantasias e inspirar:

    Aquarius (2016)

    Cenas do filme "Aquarius"
    Cenas do filme "Aquarius" | Foto: Divulgação

    O filme que marca o retorno de Sonia Braga ao cinema brasileiro criou polêmica também por seu conteúdo sexual. A classificação indicativa foi estabelecida em 18 anos, graças a cenas de nudez frontal e a uma orgia que a protagonista presencia no prédio em que vive. 

    O teor sexual presente na história é muito importante para conhecer melhor a vida de Clara, uma senhora que se recusa a fazer o que é esperado para uma pessoa de sua idade.

    Ninfomaníaca (2013)

    Cenas do filme Ninfomaníaca
    Cenas do filme Ninfomaníaca | Foto: Divulgação

    Todos os filmes de Lars Von Trier têm um grande potencial para polêmicas. Ninfomaníaca não poderia ser diferente, explorando as fantasias e a compulsão sexual da protagonista. O filme foi dividido em duas partes e possui grandes cenas de sadomasoquismo, sexo a três, masturbação, entre outras.

    Um copo de cólera (1999)

    Um copo de cólera
    Um copo de cólera | Foto: Divulgação

    Baseado na obra de Raduan Nassar, o filme conta a história de um ativista que vive recluso em uma chácara. Um buraco em sua cerca, feito por formigas, inicia uma série de discussões entre ele e sua amante. O filme possui cenas de sexo intenso, inclusive com ejaculação.

    Love (2015)

    Cenas do filme "Love"
    Cenas do filme "Love" | Foto: Divulgação

    Um homem frustrado com o rumo de sua vida recebe um telefonema de sua ex-sogra, que busca por sua filha desaparecida há meses. Apesar de terem se distanciado há muito tempo, o telefonema serve para despertar lembranças do relacionamento, com momentos bem quentes que fizeram o filme ser classificado como um “drama-erótico”.

    De olhos bem fechados (1999)

    De olhos bem fechados
    De olhos bem fechados | Foto: Divulgação

    Uma das grandes obras de Stanley Kubrick e seu último filme está envolto em polêmicas. O obra também marcou o final do casamento de Tom Cruise e Nicole Kidman, que formavam o casal protagonista na trama. Ele se arrisca a ir em uma luxuosa casa de swing secreta, onde presencia cenas de orgias que se assemelhavam a rituais e muito voyeurismo, criando um suspense sexual.

    9 ½ semanas de amor (1986)

    9 ½ semanas de amor
    9 ½ semanas de amor | Foto: Divulgação

    Considerado um clássico do cinema, 9 ½ semanas de amor causou excitação desde o seu lançamento, graças às cenas de sexo que até hoje podem ser consideradas chocantes. 

    O drama-erótico mostra a relação de um casal que se envolve em jogos sexuais que vão gradativamente se tornando mais intensos e difíceis de serem controlados.

    Os sonhadores (2003)

    Cena do filme do "Os sonhadores"
    Cena do filme do "Os sonhadores" | Foto: Divulgação

    O filme, que trabalha uma metalinguagem do cinema, aborda a efervescência política nos jovens parisienses de 1968. Por meio da relação entre Matthew e dois irmãos gêmeos, Isabelle e Theo, o diretor Bernardo Bertolucci vai abordando diversos assuntos polêmicos de maneira poética. 

    O auge do filme, que causou muitas controvérsias, é o ménage à trois incestuoso protagonizado pelos amigos.

    Azul é a cor mais quente (2013)

    Azul é a cor mais quente
    Azul é a cor mais quente | Foto: Divulgação

    A história do filme já começa bem intensa enquanto a protagonista descobre sua sexualidade e se vê apaixonada por outra mulher. O relacionamento das duas passa por altos e baixos e Adèle precisa redescobrir o amor próprio para se ver livre de uma relação tóxica. 

    O filme é cheio de momentos de êxtase devido às novas experiências que Adèle vive. O prazer que ela descobre no corpo de outra mulher e em seu próprio corpo e revelado em cenas longas e íntimas, com closes e nudez.

    Shame (2012)

    Cenas do filme shame
    Cenas do filme shame | Foto: Divulgação

    Tratando a nudez e o sexo sem nenhuma glamourização, Shame acompanha a vida de Brandon, um homem obcecado por sexo. Prisioneiro de seus próprios desejos, as cenas quentes do filme dão espaço à tristeza que o protagonista sente do vazio de satisfazer apenas necessidades fisiológicas, sem nunca conseguir um envolvimento verdadeiro. 

    A própria estrutura do filme busca sintetizar o transtorno obsessivo de Brandon, sempre caindo em situações sexuais.

    A filosofia na alcova (2017)

    A filosofia na alcova
    A filosofia na alcova | Foto: Divulgação

    Adaptado da obra do Marquês de Sade, a história trata de dois libertinos, Dolmancé e Juliette, que comandam uma casa clandestina onde é possível dar vazão a todos os desejos sexuais e fantasias. Até que um burguês envia sua filha virgem para ser educada pelos dois e a tensão se instala no local, principalmente quando a mãe religiosa da menina tenta tirá-la do local. O filme conta com cenas de nudez e sexo explícito.

    *Com informações da assessoria 

    Comentários