Fonte: OpenWeather

    Libertadores


    Flamengo bate LDU e assume a ponta do grupo D da Libertadores

    Com gols de Everton Ribeiro, Gabriel Barbosa e Uribe, time rubro-negro leva a melhor sobre os equatorianos no seu primeiro jogo em casa na competição continental

    Na próxima rodada, o Flamengo vai receber o Peñarol, do Uruguai, no Maracanã | Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

    São Paulo - Com gols marcados por Éverton Ribeiro, Gabriel e Uribe, o Flamengo derrotou a LDU, do Equador, por 3 a 1, em partida disputada na noite de ontem (13), no Maracanã, pela segunda rodada da Taça Libertadores. O resultado fez a equipe da Gávea assumir a liderança do grupo D com seis pontos ganhos, enquanto o time equatoriano ficou na segunda colocação com três pontos ganhos.

    O goleiro Diego Alves defendeu uma cobrança de pênalti no final do primeiro tempo, quando o placar marcava 1 a 0 para a sua equipe, mas não conseguiu evitar o gol de Martinez em outro pênalti marcado a favor da LDU quando o jogo se aproximava do fim.

    O resultado fez justiça ao que aconteceu durante os 90 minutos. O Flamengo foi melhor desde o início e só não alcançou um resultado mais expressivo por causa da grande atuação do goleiro Gabbarini, que fez grandes defesas. A LDU entrou em campo com o objetivo de apenas se defender e tentar surpreender o Flamengo nos contra-ataques, mas não conseguiu seu objetivo e poucas vezes conseguiu dar trabalho ao goleiro rubro-negro.

    Na próxima rodada, o Flamengo vai receber o Peñarol, do Uruguai, no Maracanã. A LDU vai encarar o São José, em Oruro.

    O jogo

    Apoiado por grande torcida, o Flamengo iniciou a partida tentando sufocar o adversário. Com posse de bola, o time dirigido por Abel Braga foi empurrando o adversário para trás e, logo aos oito minutos, marcou o primeiro gol. Renê investiu pela esquerda e lançou Diego. O meia observou a penetração de Éverton Ribeiro que recebeu a bola e tocou para as redes de Gabbarini.

    Depois dos 20 minutos, o Flamengo diminuiu o ritmo, mas seguiu com o controle da partida. Aos 25 minutos, Rodrigo Caio avançou sem marcação e lançou Éverton Ribeiro. O cruzamento do atacante encontrou Diego livre na pequena área, mas o meia bateu para fora, desperdiçando uma grande oportunidade.

    A equipe equatoriana encontrava dificuldades para trocar passes e não conseguia chegar na área do time carioca em função da forte marcação exercida sobre o Flamengo que sempre recuperava a bola, antes de sofrer qualquer ameaça.

    O Flamengo voltou para o segundo tempo com a mesma disposição ofensiva, pressionando em busca do segundo gol. Aos dez minutos, Éverton Ribeiro fez grande lançamento para Bruno Henrique, mas o atacante não conseguiu dominar a bola que ficou nas mãos do goleiro Gabbarini.

    Aos 23 minutos, o time dirigido por Abel Braga ampliou a vantagem. Éverton Ribeiro fez ótimo lançamento para Bruno Henrique, que apenas escorou para a conclusão certeira de Gabigol.

    O Flamengo poderia ter marcado o terceiro gol aos 26 minutos, mas Gabigol furou na área após receber ótimo passe, de cabeça, de Willian Arão.

    Aos 36 minutos, logo depois de entrar na vaga de Bruno Henrique, Uribe marcou o terceiro gol, no seu primeiro toque na bola, após receber passe de Willian Arão.

    O lateral peruano Trauco entrou no lugar de Renê e, numa das primeiras intervenções, cometeu pênalti sobre Nico Freire. Aos 45 minutos, Martinez bateu e não deu chance para Diego Alves, definindo o resultado da partida.

    Vitória colorada

    Com dois gols de Nico López, o Internacional bateu o Alianza Lima por 2 a 0 no Beira-Rio.

    Leia mais:

    Flamengo enfrenta a LDU do Equador pela Libertadores, no Maracanã

    Atletismo vai beneficiar oito municípios do estado

    Lutadores prontos para fazer história no Mr.Cage vs Rei da Selva

    Comentários