Fonte: OpenWeather

    Campeonato


    Vasco vence Ceará e deixa zona de rebaixamento

    Graças ao gol solitário do lateral-esquerdo Danilo Barcelos, o cruz-maltino chegou aos nove pontos e deixou o Z4 pela primeira vez no Brasileirão

    O Vasco voltou mais lento para o segundo tempo | Foto: Divulgação

    Rio de Janeiro (RJ) - Foi no suor e na raça. Com gol de Danilo Barcelos, de cabeça e com revisão do VAR, o Vasco venceu o Ceará, nesta quinta-feira (13), em um São Januário lotado e vibrante. Com o resultado, o Vascão chega aos nove pontos e deixa a zona de rebaixamento, em 16º. Para grande alegria dos torcedores, neste momento conturbado do clube. O Vovô está com 10 pontos, na 12ª posição. A verdade é que o cruz-maltino teve as melhores oportunidades, com muito mais posse de bola, mas parou no goleiro Diogo Silva até Barcelos balançar as redes.

    O Ceará suportou uma grande pressão na primeira etapa diante do Vasco. O time de Vanderlei Luxemburgo teve nove finalizações, contra zero do Vovô. Foi o pior primeiro tempo da equipe de Enderson Moreira neste Brasileirão. A perda de Bergson ressalvou a importância de mais um jogador para a posição. Além disso, Thiago Galhardo, um dos grandes personagens do jogo, sentiu o ombro e precisou ser atendido. O Vasco teve 69% de posse de bola, e o Ceará apenas 31%.

    O Vasco voltou mais lento para o segundo tempo. Ainda assim, obrigou Diogo Silva a fazer grande defesa aos 10, em chutaço de Marcos Júnior. Apagado em campo, Leandro Carvalho deu vaga para Mateus Gonçalves. E, mesmo com velocidade, o Ceará se perdia em tentativas sem pontaria. Mesmo com o Vasco dando espaço para o contra-ataque do Ceará, gerando reclamação da torcida, os comandados de Enderson não aproveitaram. Romário, por exemplo, perdeu um gol feito. E, se o Ceará não soube aproveitar a chance, o Vasco, sim.

    Danilo Barcelos, de cabeça, marcou o gol do Vascão. Analisado pelo VAR, o tento foi confirmado, para alegria da torcida que encheu o estádio aos 34 minutos da etapa final.

    No dia 14 de julho, depois da pausa da Copa América, o Vasco enfrenta o Grêmio na Arena do Grêmio, ainda sem horário marcado. O Ceará enfrenta o Fluminense no mesmo dia, ainda sem estádio e horário.

    A partida diante do Ceará teve o maior público em São Januário desde o começo do ano. A torcida cruz-maltina esgotou, de forma antecipada, os ingressos para arquibancada e Área Vip. No total, quase 20 mil torcedores empurraram o time carioca para a vitória.

    Leia Mais

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    5º Torneio Amazonense de Ginástica Artística é neste sábado (15)

    Bolsonaro e Moro assistem partida entre Flamengo e CSA em Brasília

    Comentários