Fonte: OpenWeather

    Futebol


    Vídeo: qualidade dos garotos é destaque na Seletiva Nacional FC

    O objetivo é captar atletas para formação da equipe para disputa do “Porto International Cup”

    O evento tem o apoio da empresa Manauara Eventos Esportivos | Foto: Divulgação

    Manaus- Com nível técnico muito elevado e acima da média, a Seletiva Nacional Futebol Clube superou a expectativa pela qualidade da garotada nascidos nos anos de 2002 a 2005, na manhã deste sábado (21), no Centro de Treinamento (CT) Barbosa Filho, zona Leste da cidade. O objetivo é captar atletas para formação da equipe para disputa do “Porto International Cup”, que será realizado em abril de 2020, em Portugal. O evento tem o apoio da empresa Manauara Eventos Esportivos.

    Satisfação

    Com passagem na base do Guerreirinhos e Real Manaus, o atacante Mateus, 16 anos, que mora no município de Presidente Figueiredo, acordou de madrugada para participar da avaliação. Para ele, não tem como medir sua alegria, pois confessou que sonha em jogar profissionalmente e pode realizar no Nacional.

    “Esse é meu sonho de ser um jogador de futebol. Muitos garotos vieram da cidade, no total de sete, mas seis foram selecionados e sou um deles. Quero agradecer ao Nacional, a Deus, minha família e as pessoas que me apoiaram, porque sem esse apoio não teria participado. Esperava ser selecionado, porque eu vim com fé para vencer as dificuldades”, relatou.

    O lateral esquerdo Thallys, 16, morador do bairro São José, nunca tinha participado de uma seletiva e apenas joga campeonatos na zona Leste da cidade. O atleta disse que ficou feliz por ter sido escolhido, e agora só pensa em se firmar no Naça, que vai começar os treinos para competição, em Portugal.

    “Acho muito legal esse momento, porque nunca participei de algum torneio fora do Brasil e nem joguei em alguma escolinha. Acho bacana essa oportunidade que Deus proporcionou para mim, espero que continue assim e agora quero seguir com Nacional para essa competição fora do Brasil”, disse.

    O operador de máquina, Ivanildo dos Santos Cardoso, 36 anos, pai do atacante, Ivanido Júnior, 14 anos, disse que seu filho já jogou na base do Guerreirinhos ano passado, mas para ele, o fato de seu filho ter passado, é resultado de muito trabalho e persistência.

    - Para falar a verdade meu filho joga bem e esperava que ele fosse selecionado. Apesar de ter muitos garotos bons que jogaram, o sonho de qualquer garoto que joga futebol é entrar numa seletiva e passar. Agora vamos seguir em frente e vou apoiar muito ele pelo sonho dele, agora vestindo a camisa do Nacional”, comemorou.

    *Com informações da assessoria 

    Assista à reportagem da TV Em Tempo:

    Assista a reportagem | Autor: Samara Maciel/TV Em Tempo
     


    Comentários