Fonte: OpenWeather

    Futebol Brasileiro


    Coronavírus: Goiânia espera volta do futebol já no mês de junho

    Prefeito anuncia reabertura de atividades não essenciais e treinos de futebol podem retornar já na próxima segunda-feira (1º)

    A expectativa é pela cobrança de testes e exames para todos os jogadores
    A expectativa é pela cobrança de testes e exames para todos os jogadores | Foto: Divulgação/ Goiás EC

    Os treinos de futebol podem recomeçar a partir da próxima segunda (1º) na capital goiana. A Prefeitura de Goiânia vai apresentar nesta quinta-feira (28) um plano para retomada controlada das atividades econômicas não essenciais, e o esporte estará incluído. 

    A decisão ocorreu na quarta (27) e foi anunciada pelo prefeito Iris Rezende, que pediu à população que continue utilizando máscara e evitando aglomerações. A expectativa é pelo detalhamento desta reabertura, possivelmente com a cobrança de testes e exames para todos os jogadores.

    Os critérios foram definidos para retomar a vida normal de forma segura e gradual. Inicialmente contra a liberação do futebol, a secretária municipal de saúde, Fátima Mrué, explicou que a situação epidemiológica da cidade hoje é próxima ao pico de contaminação e a preocupação é com a capacidade assistencial, em especial com os leitos de UTI.

    “Nesse momento temos uma situação em que a taxa de ocupação é de 80%, ou seja, uma taxa que nos preocupa, então não podemos abrir mais nenhum segmento que coloque a população em risco”, afirma.

    O Atlético Goianiense chegou a retornar aos treinos esta semana, mas voltou atrás após uma conversa com o governador, que publicou em seu perfil no Twitter uma mensagem lembrando que números são vidas. Segundo o último boletim, divulgado pelo Ministério da Saúde na quarta-feira, o estado tem 108 mortes registradas e 2.843 casos confirmados de covid-19.

    Comentários