Fonte: OpenWeather

    Fórmula 1


    GP de Bahrein é marcado por acidentes e Hamilton vence pela 95ª vez

    Hamilton não teve dificuldade de vencer mais uma prova em sua carreira

    Com o resultado, Hamilton alcançou 332 pontos na classificação geral
    Com o resultado, Hamilton alcançou 332 pontos na classificação geral | Foto: Giuseppe Cacace- Reuters

    Lewis Hamilton conquistou a 95ª vitória na carreira, 11ª na temporada, ao cruzar a linha de chegada do GP do Bahrein, neste domingo (29). A corrida foi marcada por acidentes envolvendo Romain Grosjean.

    Logo na primeira volta, o piloto da Haas perdeu o controle do carro, tocou na AlphaTauri do russo Daniil Kvyat e bateu em cheio na barreira de proteção.

    A Haas de Grosjean explodiu com o choque. Após ter ficado 29 segundos entre as chamas, o piloto conseguiu sair consciente do cockpit. Grosjean não sofreu ferimentos graves. O francês foi levado ao centro médico do autódromo e depois transferido de helicóptero para um hospital próximo.

    O GP foi reiniciado, na nova largada, outro acidente, e novamente envolvendo Daniil Kvyat. O russo acabou tocando o carro de Lance Stroll, que capotou na pista e ficou de cabeça para baixo. O piloto canadense saiu rastejando do cockpit sem maiores problemas.

    Após o segundo acidente, Hamilton não teve dificuldade de vencer mais uma prova em sua carreira. O britânico analisou a corrida.

    “Fisicamente, a corrida foi muito exigente. Max teve muita velocidade hoje. Eu definitivamente estava sentindo isso. Sou imensamente grato à equipe. Que privilégio obter outro resultado como este”.

    Com o resultado, Hamilton alcançou 332 pontos na classificação geral. Valtteri Bottas, também da Mercedes, conquistou a oitava posição no GP do Bahrein e continua em segundo, com 201 pontos. Max Verstappen aparece em terceiro na classificação geral, com 189 pontos, encostando no finlandês.

    A Fórmula 1 volta no próximo fim de semana, novamente no Bahrein, para a disputa do GP de Sakhir.

    *Via Agência Brasil 

    Leia mais:

    Flamengo não é mais o mesmo há uma ano. A culpa é de quem?

    Médico de Maradona é acusado formalmente por homicídio culposo

    Comentários