Fonte: OpenWeather

    Ginástica Artística


    Brasil estreia no Pan-Americano de ginástica artística

    O Canal Olímpico transmite ao vivo o evento

     

    A competição será a última oportunidade para o Brasil assegurar mais vagas para a Olimpíada de Tóquio
    A competição será a última oportunidade para o Brasil assegurar mais vagas para a Olimpíada de Tóquio | Foto: Ricardo Bufolin/CBG

    O Pan-Americano é uma das maiores competições internacionais e o Brasil estreou nesta sexta-feira (4) na ginástica artística. A competição será a última oportunidade para o Brasil assegurar mais vagas para a Olimpíada de Tóquio. O Campeonato Pan-Americano de ginástica artística será disputado até o domingo (6).

    Desta vez, sem Arthur Zanetti, campeão olímpico em Londres e prata no Rio de Janeiro nas argolas, Caio Souza, principal nome do país no individual geral, vai disputar a prova em que os atletas competem nos seis aparelhos (solo, cavalo com alças, argolas, salto sobre  a mesa, paralelas e barra fixa). 

    Além dele, Diogo Soares e Tomás Florêncio, que tentam nesse evento a classificação olímpica, também disputarão o individual geral.

    Arthur Nory, atual campeão mundial na barra fixa e medalha de bronze no solo nos Jogos Olímpicos do Rio-2016, fará esses dois aparelhos (barra fixa e o solo) e também o salto. Francisco Barreto Júnior, ouro nos Jogos Pan-Americanos de Lima no cavalo com alças, fará esse aparelho, e também as paralelas e argolas.

    "

    Montamos uma equipe competitiva e que está buscando mais uma vaga para os Jogos Olímpicos. Na composição priorizamos os atletas que são elegíveis a vaga. O Caio, que continua se preparando para o individual geral, completa a equipe. Nory e Francisco se complementam, fechando a quarta nota para a equipe "

    Marcos Goto, Coordenador da Seleção de Ginástica Artística Masculina

     

    Sem Arthur 

    Zanetti apresentou dor no ombro direito há três dias e, depois de uma exame, teve constatada uma bursite subacromial. Dessa forma, o ginasta iniciou tratamento imediato com fisioterapia e a carga de treinos foi reduzida.

    Assim, optou-se por poupá-lo do Pan-Americano. O Brasil, na subdivisão 2, ao lado de Argentina e Estados Unidos, dá início às suas apresentações às 16h17. O Canal Olímpico transmite ao vivo o evento.

    Até o momento, da equipe feminina, apenas Flávia Saraiva já garantiu vaga individual. O time masculino confirmou quatros vagas. No Pan do Rio mais dois atletas (um por gênero) poderão se classificar para os Jogos.

    Leia mais:

    Escolinha de ginástica artística abre inscrições em Manaus 

    Do colo ao pódio: mãe do AM é incentivadora dos filhos no esporte

    Comentários