Fonte: OpenWeather

    Fisioterapia especializada


    Conheça o primeiro consultório em Manaus para cabeça e pescoço

    Inaugurado no último sábado, 13, o espaço oferece reabilitação exclusiva aos problemas relacionados ao sistema Crânio-Cervico-Mandibulares

    Com mais de 10 anos de atuação na área, Joelma abre seu primeiro consultório. | Foto: Lucas Silva

    Manaus - Quem sofre com disfunções na região da cabeça e pescoço agora pode contar com um atendimento especializado em Manaus. A fisioterapeuta Joelma Magalhães, 35, especialista e  pioneira em Manaus em Disfunção Temporomandibular (DTM) e Dor Orofacial abriu o primeiro espaço para consultoria voltado para a área. A inauguração do espaço foi no último sábado, 13. 

    O consultório é o primeiro de Manaus a oferecer reabilitação aos problemas relacionados ao sistema Crânio-Cervico-Mandibulares e tratamento da dor, ramo da fisioterapia que ainda é pouco explorado no estado e, até então, não apresentava um local específico para tratamento em Manaus.

    Estrutura diferenciada 

    Joelma explica que seu objetivo é trazer novidades para os pacientes. Um dos diferenciais do consultório está na própria estrutura, onde os acompanhantes têm à disposição do sofá cama, café, biscoito e microondas.

    A luz do lugar também foi pensada para proporcionar o bem estar do paciente, sendo oferecida nas cores branca e amarela. Pacientes com enxaqueca geralmente têm fotofobia - sensação de sensibilidade ou aversão a qualquer tipo de luz. O consultório também dispõe de isolamento acústico, para os pacientes que apresentam sonofobia - intolerância ou aversão aos sons. 

    Quadro de ATM ajuda pacientes entenderem o que sentem.
    Quadro de ATM ajuda pacientes entenderem o que sentem. | Foto: Lucas Silva

    Joelma investiu também em quadro de desenho profissional de ATM -  articulação temporomandibular, uma articulação que liga o maxilar ao crânio. Com ajuda deste, ela explica ao paciente exatamente o que está acontecendo no seu corpo. 

    O laser é um dos grandes aliados dos atendimentos, ao lado de terapias manuais. Ainda este ano a fisioterapeuta oferecerá o tratamento de termografia e Cefaly, este último ajuda a  reduzir a potência das dores de cabeça. Outros auxiliares são a acupuntura e o óculos de realidade virtual, utilizado para propriocepção de cabeça.

    Educação em dor

    A fisioterapeuta, que é membro da Sociedade Brasileira do Estudo da Dor (SBED), diz que é preciso reeducar o paciente sobre a dor. Alguns são tão acostumados com o desconforto, que precisam entender de que aquilo não é normal. 

    Para o sucesso completo é preciso contar com uma equipe multidisciplinar de profissionais de outras áreas que podem acrescentar no tratamento. “Eu sempre falo para o paciente que se você não trabalha em grupo, eu não tenho como ter resultados com você”, explica.

    Em média, são dedicadas duas horas por  paciente, a fim de que ele tenha o atendimento que precisa. “Os profissionais não escutam o paciente, às vezes é psicológico, ele quer expor o que está sentindo, tem que entender a dor do paciente”, ressalta. 

    Alguns dos sinais de que você deve buscar um profissional especializado nesta área são: dor na face, cefaleias, limitações de movimento, paralisias, dores neuropáticas, vertigens, tonturas e até mesmo estrabismo. 

    Experiência

    Joelma Magalhães possui títulos de especialização, aperfeiçoamento e diversos cursos voltados para esta área e atua neste ramo há 10 anos. A especialista é Mestre em Ciências da Reabilitação com ênfase em DTM e Dor Orofacial, Especialista em Traumato-Ortopedia, Pós-Graduada em Acupuntura e Fisiologia Humana, Pós-graduanda em Dor pelo Hospital Albert Einstein/SP e pioneira no tratamento das Disfunções Crânio-Cervico-Mandibulares em Manaus.

    Leia Mais

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    TDAH: veja histórias de famílias do AM que convivem com o transtorno

    Amazonense conta como emagreceu 37 Kg em oito meses

    Comentários