Fonte: OpenWeather

    Coronavírus


    Cirurgias eletivas são autorizadas pela ANS

    Agência Nacional de Saúde Suplementar revogou norma que impedia procedimentos até 31 de maio

    | Foto:

    A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) divulgou nesta quarta (8) nota autorizando a retomada das cirurgias eletivas com caráter de urgência.

    Segundo a AMB (Associação Médica Brasileira) está autorizado a realização de procedimentos que estejam atrelados a um grau de necessidade e urgência que deve ser justificado pelo médico.

    “A revisão da instrução normativa publicada até então pela ANS é importante para muitos pacientes em situações delicadas e que estavam aguardando a possibilidade de uma cirurgia em caráter de urgência, como as reparadoras”, afirma o cirurgião plástico Dr. Pedro Lozano.

    Vale ressaltar que todos os protocolos de segurança destinados aos pacientes e agentes de saúde serão realizados para isentar e proteger a todos da disseminação da covid-19 no ambiente hospitalar.

    “Há casos de pacientes que estão na quarentena aguardando procedimentos cirúrgicos diagnósticos, remoção de tumores, reparadoras para correção de ferimentos, mastectomia e reconstrução mamária, por exemplo”, complementa.

    Nos casos de queimaduras o cirurgião plástico também exerce papel fundamental por ficar responsável pela remoção do tecido desvitalizado, além de realizar cirurgias reparadoras a fim promover o mínimo de sequelas estéticas e possibilitar o retorno das funções da área atingida.

    “A possibilidade de retomar esses procedimentos reforça o senso de responsabilidade e cidadania aos pacientes que mesmo durante a pandemia estão sofrendo com outras doenças”, finaliza o especialista.

    *Com informações da assessoria

    Comentários