Fonte: OpenWeather

    Parintins


    De Parintins para o mundo ver: Festival encanta milhares de pessoas

    Apuração das notas dos bumbás Caprichoso e Garantido começa às 15h30 desta segunda-feira (1º)

    Bois Caprichoso e Garantido | Foto: Divulgação

    Parintins- Em três noites, o 54º Festival Folclórico de Parintins recebeu 40 mil pessoas no Bumbódromo, palco das apresentações dos bois Caprichoso e Garantido, que, nos dias 28, 29 e 30 de junho, levaram à arena mais de 5.000 brincantes por dia e um total de 33 alegorias. Realizado pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (SEC), o evento encantou torcedores e visitantes.

    Os bumbás Caprichoso e Garantido, que este ano foram reconhecidos pelo Instituto Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) como  Patrimônio Cultural do Brasil, receberam apoio antecipado do Governo do Estado para preparar as três noites de apresentação. As agremiações começaram a receber o recurso, da ordem de R$ 5 milhões, em abril, o que permitiu trabalhar com segurança e apresentar um dos maiores espetáculos folclóricos do país, que atrai anualmente perto de 60 mil turistas.

    Garantido levou para a arena o tema 'Nós, o Povo'
    Garantido levou para a arena o tema 'Nós, o Povo' | Foto: Secom

    O governador Wilson Lima destacou a importância do festival para a cultura e a economia de Parintins e do Estado. Ele afirmou que a partir do reconhecimento dos bois-bumbás do médio e baixo Amazonas como patrimônios culturais do Brasil, o Festival Folclórico de Parintins inaugura um novo e próspero momento.

    “Esse é o grito do povo que tem a cultura na sua veia, que ajuda a falar da preservação da floresta e dos recursos naturais, mas acima de tudo do ser humano, do caboclo, do índio e do negro, do quilombola, do ribeirinho. O reconhecimento como patrimônio cultural do Brasil nos abre portas”, declarou.  

    O touro negro levou o tema 'O Canto de esperança para a mátria brasilis
    O touro negro levou o tema 'O Canto de esperança para a mátria brasilis | Foto: Secom

    Para tornar o festival acessível a todos, foi montado no Bumbódromo, em parceria com a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Seped), um espaço diferenciado, com conforto para usuários de cadeiras de rodas e serviços de audiodescrição e intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras).

    “Já assisti umas dez edições do festival e é impressionante a evolução do evento. Acho que todo brasileiro deveria conhecer, porque é um espetáculo único. Achei tudo muito organizado, desde o cadastramento das pessoas com deficiência até a recepção, que foi excelente”, avaliou a aposentada Cleonice Petillo, 47, que se locomove com cadeira de rodas.

    O secretário estadual de Cultura, Marcos Apolo Muniz, avaliou de forma positiva o andamento do evento. “Ouvi  muitos comentários de que foi o melhor festival dos últimos tempos. Os bois fizeram um espetáculo grandioso, os torcedores corresponderam com animação, a cidade foi tomada por turistas e o clima era de muita alegria. Foi um trabalho de meses, realizado de forma integrada com várias secretarias e muitos parceiros, então é realmente gratificante perceber que o público prestigiou e aproveitou cada momento”, afirmou.

    Caprichoso e a sinhazinha da fazenda
    Caprichoso e a sinhazinha da fazenda | Foto: Secom

    O presidente do boi Caprichoso, Babá Tupinambá, destacou o planejamento como um dos diferenciais do 54º Festival Folclórico de Parintins. “Pela primeira vez tivemos uma programação e antecipação do patrocínio, o que foi fundamental para que conseguíssemos dar o nosso melhor. Chegamos ao fim da festa preparados para o tricampeonato”. O tema do bumbá azul e branco, que fechou o evento neste domingo, foi “Um Canto de Esperança Para Mátria Brasilis”.

    Para o presidente do boi Garantido, Fábio Cardoso, a edição de 2019 deu novo ânimo ao evento. “O festival voltou com toda a força, mostrando a garra do povo que faz essa grande festa em Parintins. Fizemos três noites de grandes espetáculos, que encheram de orgulho a nação vermelha e branca”, disse. O bumbá, que foi o primeiro a se apresentar na sexta-feira e no domingo, defendeu o tema “Nós, O Povo”.

    Resultado do festival

    A apuração das notas dos itens dos bois-bumbás Caprichoso e Garantido será realizada nesta segunda-feira, 1º de julho, a partir das 15h30, no auditório do Bumbódromo de Parintins.

    Apresentação do boi vermelho
    Apresentação do boi vermelho | Foto: Secom

    Turistas

    A Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur) realizou, durante os dias do festival, duas pesquisas, sendo uma delas inédita. A primeira para medir o sentimento do parintinense em relação à atividade turística proporcionada pela festa dos bumbás Caprichoso e Garantido, bem como sobre a infraestrutura da cidade, em que o próprio cidadão faz uso da estrutura no dia a dia durante todo o ano.

    A segunda pesquisa, iniciada no último dia (28) vai identificar o perfil do turista que desembarca na ilha no período do Festival. O levantamento tem o objetivo de identificar a avaliação do turista sobre a infraestrutura da cidade, além dos equipamentos turísticos que são colocados à sua disposição, e também identificar índices econômicos, como comportamento de consumo. Quando os dados estiverem compilados será possível saber o número de visitantes na ilha este ano. Em 2018, cerca de 60 mil turistas brincaram na festa dos bois em Parintins, injetando na economia parintinense aproximadamente R$ 37 milhões. 

    *Com informações da assessoria

    Leia mais:

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    Com muita técnica, Caprichoso emociona na primeira noite em Parintins

    Garantido abre Festival de Parintins defendendo as Lutas do Povo

    Comentários