Fonte: OpenWeather

    Parintins 2019


    Duelo das cores: Festival Folclórico de Parintins começa nesta sexta

    Os bois Caprichoso e Garantido duelam durante três noites pelo título do 54º Festival de Parintins no Bumbódromo. Neste ano, o governo espera mais de 65 mil turistas na Ilha Tupinambarana

    Os Bois Caprichoso e Garantido prometem fazer uma bela festa para os brincantes | Foto: Divulgação

    Manaus - O 54º Festival Folclórico de Parintins inicia nesta sexta-feria (28) e vai até o próximo domingo (30), no Bumbódromo. A festa reúne alegria, bois e a competição entre o Caprichoso e Garantido, fazendo parte do calendário oficial de eventos da cidade desde 1965.

    Ao longo desta semana, diversos eventos ocorreram na Ilha Tupinambarana, entre eles o tradicional boi de rua dos bumbás, ensaios nos currais e outras apresentações culturais.

    Uma das cenas mais marcantes foi a passagem de módulo de alegoria do Boi Azul e Branco, cujo presidente, Babá Tupinambá, se emocionou ao vê-lo deixar o galpão. Com 25 metros de altura, a imagem da padroeira o fez lembrar sua primeira função no boi azul e branco - a de empurrador de alegoria. Tupinambá é o primeiro paikicé a se tornar dirigente do touro negro bicampeão de Parintins.

    Garantido, o boi do povão
    Garantido, o boi do povão | Foto: Divulgação

    “Empurrador de alegoria, foi assim que minha história começou. Eu sempre quis fazer o melhor por esse boi. Só peço que Deus nos abençoe, nos conduza às três noites sem acidentes. É isso que queremos, fazer um festival bonito, um festival que nos dê esse tão esperado sonho, que é o título de tricampeão. Eu confio muito em Deus, eu confio muito em nossos artistas”, comentou o dirigente, em meio a lágrimas.

    Já no ensaio técnico do Boi Garantido, o presidente, Fábio Cardoso, afirmou que o bumbá está preparado para ganhar mais um título no festival. “Nosso povo terá, já nas redondezas do Bumbódromo, a certeza que temos um planejamento, que é uma vitória com a força da galera vermelha e branca. Todos estão convidados a assistir e a colaborar com nossos guerreiros”, disse Fábio Cardoso.

    Caprichoso, o touro negro
    Caprichoso, o touro negro | Foto: Divulgação

    Trabalho

    Mais de mil servidores do governo do Estado estão reforçando a segurança na ilha de Parintins. Na saúde, 110 servidores atuarão nos atendimentos e ações de orientação e prevenção. Na organização do evento, atuam 60 servidores da Secretaria de Estado de Cultura (SEC), e as ações voltadas aos turistas são coordenadas pela Empresa Estadual de Turismo (Amazonastur), que terá 19 funcionários reforçando o receptivo na cidade. “Vamos ter todo um aparato para atender o turista. É um espaço onde ele vai ser muito bem recebido, acolhido e vai poder tirar todo tipo de dúvida, comprar pacotes de passeio, contratar tricicleiros treinados pela Amazonastur e vai poder, inclusive, fazer o pagamento no cartão de crédito”, destacou Roselene Medeiros, diretora-presidente da Amazonastur.

    Economia

    De 2005 a 2018, o Festival de Parintins injetou mais R$ 426 milhões na economia do Estado e atraiu quase 700 mil turistas. De acordo com a Amazonastur, mais de 65 mil visitantes são esperados para curtir a festa na Ilha Tupinambarana neste fim de semana.

    Leia mais: 

    Vamos a Parintins? Vivian Amorim divulga convidados para o festival

    Operação 'Chapa Quente' fiscaliza barcos rumo ao Festival de Parintins

    Parintins: Conexão "Manaus-Parintins" destaca dicas para o festival

    Comentários