Fonte: OpenWeather

    Blog da Cristina Monte


    Você é uma pessoa autoconfiante?

    A autoconfiança é um combustível para as realizações! Veja a opinião de Cristina Monte

    Cristina Monte | Foto: Cristina Monte

    Hum! Se você pensou duas vezes antes de responder pode ser que não se sinta tão autoconfiante assim! Mas, mesmo que alguns respondam positivamente com convicção, o importante é que todos nós podemos desenvolver nossa autoconfiança, e por que ela é tão importante nos dias de hoje? Bom, a autoconfiança é um combustível para as realizações! É um estado de espírito que nos faz crer que tudo pode ser realizado, conquistado. A ideia de se sentir autoconfiante contribui para que as pessoas ao redor também sintam confiança no individuo. Imagine um líder de uma empresa que não se sinta autoconfiante?

    Além disso, vivemos tempos em que se fala muito, mas se realiza pouco! Temos muitas distrações, muitas diversões e pouco foco. Aí nada ou quase nada sai do papel e é nesse momento que a autoconfiança pode fazer a diferença, mas como melhorar a autoconfiança?

    De dentro pra fora

    Um passo pra gente elevar aautoconfiança é perceber o nível da nossa inteligência emocional e a partir daí mudar alguns aspectos. Algumas dicas podem ser úteis, como manter a autenticidade e evitar se comparar com os demais; respeite-se e se admire, cada pequena conquista é um grande passo para a autoconfiança; aprenda a se amar, evite relacionamentos com pessoas que te botem pra baixo, a gravidade já faz isso com maestria, procure estar com pessoas que te respeitam; evite pensamentos destrutivos, não dê asas para eles.

    Nunca é tarde

    E mesmo que a autoconfiança seja construída desde a infância, pelo estímulo de pais ou tutores, em qualquer fase da vida a gente pode decidir tornar-se mais autoconfiante. Lembro-me de um voo de São Paulo para Vitória, no Espírito Santo, quando voltada para casa com minha filha, com apenas alguns meses de vida, e meu esposo. De repente o comandante informou que retornaríamos ao aeroporto de Cumbica, devido à falha na aeronave.

    Meu coração disparou, comecei a olhar pra minha filha e chorar silenciosamente. Imediatamente, meu marido me segurou firmemente nas mãos, olhou nos meus olhos e me disse serenamente pra ficar tranquila que nada aconteceria. E não aconteceu!

    Como eu era muito jovem e cheia de afazeres, demorei tempos pra perceber que ele - meu esposo - não poderia fazer absolutamente nada que impedisse o avião de cair, mas o simples gesto dele foi suficiente para me acalmar e acreditar que estava tudo bem. Às vezes tudo o que a gente precisa é ter autoconfiança pra não se desesperar e acalmar os demais. A partir daí, comecei a trabalhar mais atentamente a minha!

    Desequilíbrio

    Mas e o excesso de autoconfiança é bom?  Definitivamente não! Ultrapassando o limite dos benefícios em ser autoconfiante, podem surgir a arrogância, egoísmo e o narcisismo, por exemplo. Sabe quando aquele indivíduo acha que sabe tudo? Que só ele sabe determinado assunto, só o método dele é o correto, a escola que ele frequentou é a melhor, a linha de raciocínio dele é superior e etc, etc?! Então ele se fecha para outros pontos de vista e vive na limitação do seu olhar, deixando de conhecer, absorver e se abrir para outras formas de conhecimento e de entendimento. O mundo é muito maior do que podemos enxergar e você é mais forte do que imagina. Acredite e vá além!

    Comentários