Fonte: OpenWeather

    Operação Lei Seca


    Polícia Civil fecha 79 bares durante operação em Manaus

    As zonas norte e leste foram as que tiveram maior incidência de bares em funcionamento, segundo informou o diretor do DPM.

    | Foto: Erlon Rodrigues/PC-AM

    Manaus - A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM0, realizou a operação "Lei Seca", no último sábado (28), em todas as zonas de Manaus. A operação de fiscalização, resultou no fechamento de 79 bares e restaurantes. A fiscalização busca regular a venda e consumo de bebidas alcoólicas em estabelecimentos, durante a véspera do pleito.

    O delegado-geral adjunto, Tarson Yuri Soares, e o delegado Alessandro Albino, diretor do Departamento de Polícia Metropolitana (DPM), coordenaram a ação. A operação iniciou às 21h do sábado e se estendeu até as 2h deste domingo (29).

    Cerca de 35 viaturas e mais de 90 policiais civis participaram da ação policial.

    “Traçamos uma estratégia e mobilizamos as nossas equipes com intuito de efetuarmos diligências em bares, lanchonetes e locais públicos da capital para cumprir a portaria conjunta da ‘Lei Seca’, que proíbe a comercialização e consumo de bebidas alcoólicas das 22h deste sábado até as 18h de domingo”, explicou o delegado Tarson Soares.

    De acordo com o diretor do DPM, a ação transcorreu tranquilamente, e nenhuma ocorrência grave foi registrada.

    “Percorremos por vários pontos de Manaus e, ao todo, foram fechados 79 bares e restaurantes. É importante destacar que o cumprimento dessa portaria tem como objetivo proporcionar que a eleição ocorra de forma ordeira e democrática”, afirmou o delegado Albino.

    No decorrer da operação, apesar de terem sido fechados 79 estabelecimentos que estavam descumprindo o decreto, não houve maiores incidentes e, por isso, nenhum Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) foi registrado.

    Leia mais:

    Homem é preso por ameaça e porte ilegal de arma no Cidade Nova  

    Vídeo mostra bandidos invadindo escola em Manaus 

    Travesti é morta com golpe de punhal no peito na Zona Leste de Manaus 


    Comentários