Fonte: OpenWeather

    Guerra do tráfico


    Jorge Teixeira registra duas mortes e dois baleados nas últimas 12h

    Os casos que podem estar relacionados a intensa guerra do tráfico de drogas na capital amazonense

     

    As circunstâncias dos crimes serão investigadas pela Polícia Civil do Amazonas
    As circunstâncias dos crimes serão investigadas pela Polícia Civil do Amazonas | Foto: Suyanne Lima

    Manaus (AM) - A onda de violência marca a vida de famílias na capital amazonense. Diariamente, pessoas são baleadas e mortas com casos que podem estar relacionados a intensa guerra do tráfico de drogas que acontecem em Manaus.

    Nas últimas 12 horas, o bairro Jorge Teixeira, localizado na zona Leste de Manaus, registrou duas mortes violentas e dois ataques criminosos que deixaram dois baleados

      O primeiro caso ocorreu no início da noite de quarta-feira (21), quando Rodrigo Lemes Pereira, de 20 anos, foi executado com um tiro nas costas, no beco Circular 2 da comunidade Monte Sião, no bairro Jorge Teixeira.  

    Conforme testemunhas, a vítima foi perseguida por dois criminosos armados e ainda tentou entrar na casa onde morava para se esconder, mas acabou sendo baleada.

    14 tiros dentro de casa

    O segundo caso foi mais violento ainda, o ex-detento Fabiano Lima Lopes, de 18 anos, foi executado com 14 tiros dentro da casa onde morava situada no beco Lacerda, na rua 5 de Maio, no mesmo bairro. 

    O crime ocorreu na noite de quarta-feira, por volta das 22h e pelo menos sete homem invadiram o local para matar Fabiano.

    Além dos dois crimes que resultaram em mortes, mais dois ataques foram registrados ao longo da madrugada desta quinta-feira (22) e deixaram dois baleados.

    Baleados 

    Por volta de meia-noite, um homem identificado como Rodrigo D. S, de 27 anos, foi baleado com três tiros. Ele teve tórax e pescoço atingido. O crime ocorreu na terceira etapa do bairro Jorge Teixeira, no entanto, a rua onde ocorreu o fato não foi informada.

      Já por volta das 6h20 desta quinta-feira (22), no Ramal do Brasileirinho, houve uma nova tentativa de execução que deixou Robson D. S. P, de 36 anos, baleado de raspão na cabeça.  

    Os dois foram socorridos e encaminhados à unidades hospitalares. Não há informações do estado de saúde deles.

    As circunstâncias dos crimes serão investigadas pela Polícia Civil do Amazonas. Até o momento nenhum do suspeitos das ações criminosas foram presos.

    Leia mais:

    Homem é executado por criminosos no Monte Sião

    Homem é preso após ameaçar familiares 

    Comentários