Fonte: OpenWeather

    Caso Henry


    Vídeo: garoto Henry sofreu lesões a unha na noite que foi assassinado

    Foram 23 lesões encontradas no corpo da criança de 4 anos, no laudo anterior, e enfatiza que a morte não foi causada por queda

     

    A mãe de Henry, Monique Medeiros, e o padrasto Jairo Souza Santos Júnior, estão presos desde 8 de abril pela morte do menino e alegam acidente doméstico
    A mãe de Henry, Monique Medeiros, e o padrasto Jairo Souza Santos Júnior, estão presos desde 8 de abril pela morte do menino e alegam acidente doméstico | Foto: Reprodução

    Ainda há desdobramento da morte do menino Henry Borel Medeiros. Um novo laudo, complementar, do Instituto Médico Legal (IML) do Rio de Janeiro aponta que o garoto sofreu lesões no nariz e embaixo do olho esquerdo compatíveis com ferimentos a unha na noite em que foi assassinado. 

    O documento foi pedido pelo delegado que investiga o caso. Foram 23 lesões encontradas no corpo da criança de 4 anos, no laudo anterior, e enfatiza que a morte não foi causada por queda. A primeira análise não apontava as lesões por unhas. 

    A mãe de Henry, Monique Medeiros, e o padrasto Jairo Souza Santos Júnior, estão presos desde 8 de abril pela morte do menino e alegam acidente doméstico.

    O primeiro laudo revelou que a criança morreu por hemorragia e laceração hepática, no fígado. Henry chegou morto ao hospital, de acordo com o laudo, contrariando a versão de Monique e Jairo, que afirmaram ter levado a criança com vida ao centro médico.

    Veja o vídeo:


    Leia mais:

    Imagens: Jairinho recebe sanduíche de diretor de presídio no RJ

    Após enterro, mãe de Henry  pagou para fazer unhas e megahair

    Comentários