Fonte: OpenWeather

    Assassinato


    Gritos por 'Justiça' marcam último adeus a PRF amazonense morto em RR

    O agente de segurança, que trabalhava como batedor na Polícia Rodoviária Federal Amazonense (PRF-AM), foi morto, no último sábado (7), em uma operação policial no estado vizinho

    O corpo do policial rodoviário federal foi velado em uma funerária no Centro de Manaus | Foto: Arquivo Pessoal

    Manaus – “O pior de tudo é a sensação de impunidade, que bate em nós e nos deixa angustiados”, afirmou a ex-esposa do Policial Rodoviário Federal do Amazonas (PRF-AM), Ellen Goes, durante o velório do esposo Ivo Rodrigues de Seixas, nesta terça-feira (10), em uma funerária no Centro, Zona Centro-Sul da cidade. A cerimônia de despedida foi marcada por gritos de "Justiça" de amigos e familiares presentes. 

    Ivo foi morto, no último sábado (7), por policiais civis enquanto estava hospedado em Boa Vista, capital roraimense. Rodrigues estava de folga no dia em que foi morto. Ele foi até à cidade para visitar uma ex-namorada. Segundo a Polícia Civil (PC) de Roraima, o agente escoltaria 19 quilos de maconha, do tipo "skunk", para um traficante - que foi preso durante a ação. O local em que Ivo estava foi apontado por um suspeito de tráfico de 23 anos. 

    Leia também: PF desarticula grupo criminoso que atuava na Sefaz e Suframa

    A Polícia Civil informou que, após os tiros, o policial rodoviário chegou a ser levado ao Hospital Geral de Roraima Rubens de Sousa, porém não resistiu e morreu no local. O suposto traficante e dono da droga apreendida foi preso durante a operação policial e já responde na Justiça a um processo por tráfico de drogas. A droga apreendida seria levada para Manaus, sob escolta do agente, de acordo com a PC. 

    A vítima estava em Roraima visitando uma ex-namorada
    A vítima estava em Roraima visitando uma ex-namorada | Foto: Arquivo Pessoal

    Apesar da versão policial, a família e amigos de Ivo negam que ele tenha qualquer envolvimento com tráfico de drogas ou atividades ilícicas. 

    “Não vamos aceitar que falem uma mentira desse calão sobre meu pai, que era um homem íntegro”, afirmou o filho mais velho do policial, Gabriel Goes, de 26 anos. O rapaz afirma que sempre se orgulhou do pai e da profissão que escolheu seguir. “Eu tinha orgulho de dizer que meu pai era batedor da Polícia Rodoviária Federal, e estava nas estradas nos protegendo”, lamentou o jovem. 

    Durante o velório, um grupo de motoqueiros de vários Motoclubes de Manaus estiveram presentes em frente à funerária, onde o corpo foi velado. Ivo era vice-presidente e um dos fundadores, segundo a família, do Migster Moto Clube de Manaus. 

    Amigos dizem que Rodrigues tinha uma ligação especial com a natureza
    Amigos dizem que Rodrigues tinha uma ligação especial com a natureza | Foto: Arquivo Pessoal

    Sonho em ser PRF

    Amigos e familiares narravam com tristeza o sonho de Ivo em ser batedor da PRF. A ex-esposa afirma que desde novo ele já trabalhava com motos e tinha esse sonho. “Lembro de quando ainda morávamos em cima da casa dos pais dele, e ele trabalhava como motoboy, sempre teve o sonho de ser policial rodoviário federal”, disse emocionada. 

    Outro amigo de longa data da vítima lembra que, como pessoa, Ivo era um homem apaixonado pela natureza e muito correto. “Ele era até um cara chato, era metódico no seu modo de vida e vivia da maneira mais correta possível”, conta. Ele também esteve presente na luta de Ivo para ser um policial federal. “Ele batalhou muito para realizar o sonho dele de ser batedor da PRF”, diz, afirmando em nome dos amigos “estamos todos revoltados com o que aconteceu”, fala. 

    O enterro de Ivo Martins aconteceu às 10h dessa terça, no Cemitério Parque Tarumã, localizado na avenida do Turismo, Zona Norte de Manaus. 

    Polícia Civil de Roraima 

    A reportagem solicitou, por meio de nota, um posicionamento da Polícia Civil de Roraima a respeito das investigações sobre a morte de Rodrigues. Em tentativa de contato por telefone, o Em Tempo não teve retorno da assessoria do órgão até o fechamento da matéria. 

    Edição: Isac Sharlon

    Leia mais:  

    Presidiário é morto com tiro na cabeça na Zona Leste de Manaus

    Após atirar em namorada, sargento da PM se apresenta na delegacia

    Brincadeira com arma entre amigos mata adolescente com tiro no pescoço

    Comentários