Fonte: OpenWeather

    Ação Criminosa


    Assaltantes invadem loja odontológica e fazem reféns na Cidade Nova

    Os assaltantes foram violentos e agrediram com coronhadas uma das vítimas e fugiram com quatro celulares e cerca de R$ 2,5 mil em dinheiro

    Criminosos não foram identificados. Um deles foi reconhecido pela vendedora | Foto: Marcio Melo

    Manaus - Dois assaltantes invadiram uma loja de acessórios odontológicos, localizada na avenida Noel Nutels, bairro Cidade Nova, Zona Norte de Manaus, e fizeram quatro pessoas reféns na tarde desta terça-feira (4).

    Conforme uma vendedora, de 44 anos, a dupla criminosa estava armada com revólveres e se passou por clientes. Os suspeitos fugiram sem ser identificados e levaram quatro celulares e cerca de R$ 2,5 mil em dinheiro. 

    "No momento do assalto estava apenas eu e um entregador, que estava deixando algumas encomendas. Os assaltantes chegaram pedindo por uma máquina que custa R$ 5 mil. Eles nos fizeram deitar no chão e pegaram nossos pertences e o dinheiro do caixa. Em seguida, chegou uma dentista, que é nossa cliente, acompanhada de seu esposo. Eles não perceberam e também foram feitos vítimas", disse a mulher, que pediu para ter a identidade preservada. 

    A vendedora ainda informou que reconheceu um dos assaltantes e que os homens foram bastante violentos durante a ação criminosa. "Eles deram coronhadas no entregador. Eu reconheci um deles e essa já é a terceira vez que ele rouba a loja. Acreditamos que alguém do ramo odontológico ordenou o assalto, pois eles vieram em busca de equipamentos específicos", disse a vendedora. 

    Polícias militares da 6ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foram acionados, porém não localizaram os criminosos, que fugiram antes da chegada da equipe. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil. 

    Leia mais

    Presos 7 envolvidos com tráfico de drogas e porte de arma de fogo

    Em protesto, família de jovem morto em Coari tenta destruir delegacia

    ‘Quis assustar minha sogra’, diz mulher presa por morte de cunhada

    Comentários