Fonte: OpenWeather

    Em Presidente Figueiredo


    Pai de vereadora é preso acusado de tentar estuprar criança

    A vítima, uma criança de um ano e seis meses, é neta da namorada do acusado

    | Foto: Bruna Chagas

    Presidente Figueiredo (AM) - O irmão de um deputado estadual e pai de uma vereadora do município de Presidente Figueiredo (distante 118 quilômetros de Manaus), de 55 anos, foi preso na manhã da última quarta-feira (5), por volta das 9h, suspeito de tentar estuprar uma criança de um ano e nove meses. A vítima é neta da namorada do acusado.

    De acordo com o delegado José Ribamar Campelo, titular da 37ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), o suspeito foi preso na casa da namorada, localizada no ramal Rumo Certo, quilômetro 165 da rodovia federal BR-174, onde o crime aconteceu, por volta das 6h. 

    “A mãe e a avó da menina nos procuraram para formalizar a ocorrência. Na ocasião, fomos informados que elas, ao entrarem no quarto da vítima, visualizaram o indivíduo sem roupa, nitidamente embriagado, na tentativa de consumar o ato sexual. Elas resgataram a bebê e seguiram imediatamente para a delegacia”, explicou Campelo.

    O homem foi autuado em flagrante por tentativa de estupro. Ele ficará custodiado na carceragem da 37ª DIP, até a conclusão dos procedimentos legais em torno do caso. A vítima, acompanhada da mãe, será assistida por Conselho Tutelar em Manaus, onde passará por exames médicos.

    A delegada Joyce Coelho, titular da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca) esclareceu para a equipe do Em Tempo que se o ato consistir em ato libidinoso é estupro de vulnerável, caso a vítima for menor de 14 anos.

    "Dependendo do contexto pode haver tentativa sim, se o autor não chegou a tocar na vítima pode ser considerado como tentativa de estupro. Considerando o caso, em que ele estava prestes a consumar o estupro e não prosseguiu devido à intervenção de terceiros, podemos considerar como tentativa", explicou Joyce.

    *Com informações da assessoria. Colaborou Raphael Tavares. 

    Leia mais:

    MPs movem ação contra Estado e União por violência obstétrica no AM

    Justiça leiloa bens de acusados na Maus Caminhos avaliados em R$2,2 mi

    MPF processa ex-prefeito por fraude na entrega de merenda escolar

    Comentários