Fonte: OpenWeather

    Durante assalto


    Assaltantes trocam tiros em ônibus, matam 1 e deixam feridos em Manaus

    Todos estavam fortemente armados e anunciaram o assalto no avenida Santos Dumont, no Tarumã, Zona Oeste de Manaus. Um passageiro teria ficado ferido de raspão e foi atendido pelo Samu

    Durante o intenso tiroteio, um dos assaltantes foi atingido e morreu dentro do coletivo. | Foto: Divulgação

    Manaus - Um homem morreu e outros dois ficaram feridos durante um assalto ao transporte coletivo da linha 356 na noite desta sexta-feira (11). Uma troca de tiros entre assaltantes rivais teria ocasionado o óbito. Todos estavam fortemente armados e anunciaram o assalto no avenida Santos Dumont, no Tarumã, Zona Oeste de Manaus. Um passageiro teria ficado ferido de raspão e foi atendido pelo Samu.

    De acordo com um segurança, que preferiu não se identificar,  e estava no ônibus, o bando entrou no coletivo dentro do terminal de integração 1, localizado na avenida Constantino Nery, e quando chegaram na avenida Torquato Tapajós desviaram o trajeto do ônibus para sentido Aeroporto da cidade.

    "Quando o primeiro bando anunciou o assalto, os outros, que também estavam armados com facas e armas reagiram, eram cerca de 10 assaltantes divididos entre as duas facções. Foi tiro para tudo que foi lado, fiquei com medo de morrer", explicou a testemunha. 

    Conforme o cobrador do ônibus, que preferiu manter a identidade em sigilo, mais de R$ 300 foram levados pelos assaltantes que conseguiram fugir.
    Conforme o cobrador do ônibus, que preferiu manter a identidade em sigilo, mais de R$ 300 foram levados pelos assaltantes que conseguiram fugir. | Foto: Raphael Tavares/Em Tempo

    Durante o intenso tiroteio, um dos assaltantes foi atingido e morreu dentro do coletivo. Outros dois assaltantes ficaram feridos e fugiram para uma área de mato, nas redondezas junto com os comparsas e rivais. 

    Conforme o cobrador do ônibus, que preferiu manter a identidade em sigilo, mais de R$ 300 foram levados pelos assaltantes que conseguiram fugir. 

    "Foi uma cena de terror, alguns deles ainda conseguiram pegar a renda e pertences de alguns passageiros. Depois do tiroteio, todo mundo se abaixou e ficou gritando, até que eles mandaram o motorista parar e eles fugiram", explicou bastante nervoso.

    O corpo do assaltante foi removido do coletivo após passar por perícia do Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC), da Polícia Civil. O crime será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

    Leia mais:

    Homens são baleados em diferentes bairros de Manaus

    Moradora aborda reportagem e clama por socorro: ‘é muito assalto’

    “Eu vou matar vocês todos”, disse tenente enquanto atirava em colegas

    Comentários