Fonte: OpenWeather

    Violência contra mulher


    Homem é preso acusado de estuprar, agredir e manter mulher em cárcere

    Em Manaus, o homem teria gravado o abuso sexual contra a vítima e a furado no pescoço e braços com uma tesoura

    O caso foi registrado na Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher (DECCM) | Foto: Divulgação

    Manaus -  Um homem de 25 anos foi preso no último sábado (16), acusado de estuprar, agredir e manter a ex-companheira em cárcere privado, em uma casa localizada no bairro Tarumã, na Zona Oeste de Manaus. O homem furou os braços da vítima com uma tesoura e gravou o estupro cometido contra a ex-mulher. A informação foi confirmada pela Delegacia Especializada em Crimes Contra Mulher.

    Conforme a polícia, o suspeito teria cometido o crime no dia em que foi pagar a pensão da filha dele com a vítima. Eles teriam marcado um encontro na casa dela, e após uma longa conversa com a ex-mulher, ele a forçou manter relações sexuais e a ameaçou com uma arma caseira que estava na bolsa dele.

    Ainda segundo a polícia, após o estupro, a vítima foi mantida em cárcere privado durante onze horas. E após gritar por socorro, um parente teria ido até a casa dela, constatado o crime e chamado a polícia. 

    Leia mais:

    Acusado de estuprar alunas de 8 e 9 anos, professor volta a ser preso

    Assaltante estupra jovem na frente da mãe e filha na Vila da Prata

    Adolescente denuncia vizinho por estupro cometido em 2018


    Comentários