Fonte: OpenWeather

    Violência


    Soldado do tráfico brinca com arma e atinge cabeça de garoto em Manaus

    O crime ocorreu dentro de uma choperia situada no bairro Coroado. O jovem está internado em estado grave

    O homem estava brincando com a arma até que acabou atingido o jovem | Foto: Divulgação

    Manaus - Um adolescente, de 16 anos, está internado entre a vida e morte no Hospital e Pronto-Socorro (HPS) João Lúcio, Zona Leste de Manaus, após ser baleado na cabeça durante uma brincadeira com uma pistola. O principal suspeito, segundo testemunhas, seria envolvido com o tráfico de drogas do bairro.

    Segundo a família da vítima, o caso aconteceu na madrugada desta segunda-feira (22), em uma choperia situada na rua São Pedro, bairro Coroado, Zona Leste de Manaus. 

    Um parente do adolescente, que pediu para ter o nome preservado, informou que o jovem saiu de casa por volta de meia-noite para comprar um lanche, mas acabou parando no estabelecimento comercial ao encontrar alguns conhecidos. 

    “Ele encontrou os amigos, que o chamaram para entrar na choperia. Ele sentou em uma mesa onde este homem estava brincando com a pistola. O cara tirava e colocava o carregador da arma, depois apertava o gatilho. Ele ficou fazendo isso várias vezes, até que numa distração, ele acabou atirando de verdade e atingiu o rosto do menino”, relatou.

    Ainda segundo a fonte, o autor do disparo socorreu e levou o adolescente até o Serviço de Pronto Atendimento (SPA) do Coroado, depois ele desapareceu.

    “A polícia fez buscas para encontrá-lo, mas ele não foi localizado. Acredito que esse homem tenha envolvimento com o tráfico, porque ele fugiu e estava portava essa arma na frente das pessoas”. 

    Após mais de 15 horas, a vítima segue internada no HPS João Lúcio e aguarda por uma cirurgia. Aflitos, os parentes aguardavam por informações da equipe médica

    “Ninguém nos fala nada, eu não entendo a demora para realizar essa cirurgia. É um descaso”, desabafou o familiar. 

    A reportagem solicitou nota da Secretaria de Saúde do Amazonas (Susam) sobre a reclamação dos familiares. Assim que a nota for enviada, este conteúdo será atualizado. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil.

    Leia mais

    Homem executado no Tarumã já havia escapado da morte, diz esposa

    PM baleado no Alvorada está internado com bala alojada no maxilar

    Corpo encontrado no Dom Pedro é de adolescente de 13 anos

    Comentários