Fonte: OpenWeather

    ASSALTO FRUSTRADO


    Assaltante é baleado por 'justiceiro' após roubo no Jorge Teixeira

    Homem chegou a ser agredido pela população depois de ter sido baleado. O comparsa fugiu

    Caso aconteceu na frente de uma assistência técnica de celulares na avenida Brigadeiro Hilário Gurjão, no Jorge Teixeira | Foto: Raphael Tavares/EM TEMPO

    Manaus - Um assaltante ainda não identificado foi baleado por um justiceiro na noite desta terça-feira (7), após roubar uma assistência técnica de celulares localizada na rua Brigadeiro Hilário Gurjão, no bairro Jorge Teixeira, na Zona Leste de Manaus. O comparsa dele ainda conseguiu fugir com alguns aparelhos que foram roubados na loja. 

    De acordo com testemunhas, os dois assaltantes estavam saindo da loja quando um homem, ainda desconhecido, teria percebido a ação deles e começou a persegui-los. Durante a fuga, um deles foi baleado e ainda agredido pela população.

    "Esse que foi baleado estava com uma arma, mas não chegou a disparar contra o homem pois toda a ação foi muito rápida. O cara tem uma mira boa, porque atirou do meio da rua nele", explicou um entregador de gás que preferiu não se identificar.

    Ainda conforme a testemunha, depois de balear pela primeira vez o assaltante, o justiceiro subiu em uma moto e tentou perseguir o comparsa. No entanto, sem sucesso nas buscas, voltou e atirou pela segunda vez contra o homem. 

    O assaltante baleado foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado para o Hospital e Pronto-Socorro (HPS) Platão Araújo, na Zona Leste e em seguida transferido para o HPS João Lúcio, na mesma zona. Os policiais da 30a Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foram acionados para a ocorrência e registraram o caso, que deve ser investigado pela Polícia Civil. Até a publicação desta matéria ninguém foi preso.

    Edição: Lucas Vítor Sena

    Leia mais

    Após ameaça de demissão, vigilantes matam patrão a facadas no AM

    Duplo homicídio: 'amigos' são executados em boca de fumo em Manacapuru

    Adolescente de 14 anos é executado com 4 tiros no Parque São Pedro

    Comentários