Fonte: OpenWeather

    Guerra de Facções


    Após chacina, 'racha' na FDN gera conflitos fora das cadeias em Manaus

    Na tarde desta terça-feira (28), um grupo, que pertence ao narcotraficante "João Branco", tentou executar o líder de uma boca de fumo de "Zé Roberto”

    Elton Nascimento, membro da FDN, ameaçou a equipe policial e foi baleado durante confronto
    Elton Nascimento, membro da FDN, ameaçou a equipe policial e foi baleado durante confronto | Foto: Daniel Landazuri

    Manaus - O “racha" entre os líderes da facção criminosa Família do Norte (FDN) resultou em um conflito na tarde desta terça-feira (28), no bairro Cidade de Deus, Zona Norte de Manaus. Um grupo, que pertence ao narcotraficante João Pinto Carioca, o "João Branco", tentou executar o líder de uma boca de fumo, que pertence a José Roberto Fernandes Barbosa, conhecido como "Zé Roberto”.

    Segundo fontes da Polícia Militar do Amazonas (PM-AM), o confronto foi motivado pela disputa por domínio do tráfico de drogas na capital amazonense. 

    “O Governo não quer admitir, mas esse ‘racha’ está gerando conflitos na cidade. Os criminosos estão em busca de poder, cada um vai defender o seu”, disse um policial ao Em Tempo. Por medida de segurança, ele preferiu não ter o nome divulgado. 

    O ataque foi registrado por volta das 13h. O grupo de “João Branco” foi até a boca de fumo, localizada na comunidade Alfredo Nascimento, e atirou contra um homem de 27 anos, que foi apontado pelos policiais como o líder do tráfico de drogas naquela região. O homem foi atingido no pescoço e na coxa direita. Ele foi socorrido por familiares e levado para o Hospital e Pronto-Socorro (HPS) Platão Araújo, na Zona Leste.

    Os soldados de “João Branco” fugiram após serem surpreendidos pelos comparsas do homem baleado. Policiais militares da 13ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), que faziam o patrulhamento na rua 19, avistaram o grupo de “Zé Roberto” armado em via pública.

    O caso foi apresentado no 6º DIP
    O caso foi apresentado no 6º DIP | Foto: Daniel Landazuri

    Durante a abordagem, um homem, identificado como Elton Nascimento, de 30 anos, foi baleado na perna direita após ameaçar a equipe policial com uma espingarda, calibre 12, de fabricação russa.

    “Ele apontou a arma de grosso calibre em direção à viatura. Devido isso, a equipe revidou e atirou contra o suspeito”, disse um PM, que atuou na ocorrência e prefere ter a identidade preservada. A espingarda e três munições, sendo duas de calibre 12 e uma de calibre 16, foram apreendidas.

    Depois da intervenção policial, um adolescente, que não teve a idade divulgada e que estava na companhia de Elton,  foi apreendido com drogas. Ele foi levado para a Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), no bairro Alvorada, Zona Centro-Oeste da capital.

    Elton foi conduzido pelo policiais para o HPS Platão Araújo, onde está sob custódia da equipe da 13ª Cicom. Ele aguarda uma cirurgia, pois fraturou a perna devido ao impacto do tiro que recebeu.

    Conforme a PM, Elton é foragido do Estado do Pará e responde por tráfico de drogas em Manaus. “É um homem de alta periculosidade. No Pará, cumpria pena por roubo. Agora deve responder por porte ilegal de arma de fogo e tentativa de homicídio contra a equipe policial”, informou um tenente da PM-AM. 

    Ainda conforme a PM, o homem alvo do ataque tem passagem por tráfico de drogas. Ele foi encaminhado para o 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP), no bairro Cidade Nova, Zona Norte, para prestar esclarecimentos. Acompanhado de familiares, ele não quis comentar o caso com a reportagem.

    Edição: Isac Sharlon

    Leia mais

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    'João Branco' tenta golpe contra 'Zé Roberto' para liderar FDN sozinho

    ‘Não há como indenizar as famílias de presos mortos’, diz Wilson Lima

    Comentários