Fonte: OpenWeather

    APREENSÃO


    R$ 5 milhões em drogas são apreendidos pela polícia no interior do AM

    Ao todo, 260 quilos de cocaína e maconha tipo skunk foram apreendidos entre Codajás e Coari. Droga tinha Manaus como destino final

    Droga foi apreendida entre os municípios de Codajás e Coari | Foto: Josemar Antunes/EM TEMPO

    Manaus - Em mais uma operação nos rios do Amazonas, o Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc) apreendeu, na manhã de terça-feira (28), por volta das 6h, um carregamento de 260 quilos de drogas, entre cocaína e maconha do tipo skunk. A droga, avaliada em R$ 5 milhões, foi encontrada em uma embarcação vinda de Coari, a 363 quilômetros de Manaus. 

    Além dos entorpecentes, dois homens identificados como Alam Cristóvão de Sá da Silva, de 25 anos, e Cristiano Bernardo Falcão, de 31 anos, foram presos em flagrante. Com eles, a polícia ainda apreendeu cinco armas de fogo, todas espingardas e que tinham o desenho de uma onça. A dupla transportava 250 quilos de cocaína e 10 de maconha tipo skunk em uma embarcação de médio porte. 

    Espingardas tinham desenho de onça nos cabos
    Espingardas tinham desenho de onça nos cabos | Foto: Josemar Antunes/EM TEMPO

    O secretário de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), coronel Louismar Bonates, explicou que a ação é um trabalho investigativo do Denarc integrado com outros órgãos da polícia. "Além das três operações deflagradas no Viver Melhor, DEHS e Presidente Figueiredo, a Polícia Civil também está apresentando apreensão dessas drogas e prisões. Estamos provando que a segurança pública está integrada em prol da segurança do cidadão", afirmou.

    Destino

    De acordo com o delegado Paulo Mavignier, diretor do Denarc, o trabalho de investigação durou dois meses, após a informação que certa quantidade de droga sairia de Tabatinga, distante 1.108 quilômetros de Manaus, até o município de Tonantins, a 865 quilômetros da capital amazonense. De Tonantins, o carregamento iria para Manacapuru, tendo Manaus como destino final. 

    "Foi montada uma equipe de investigação em conjunto. A embarcação foi monitorada desde Coari, onde a droga estava acondicionado em uma embarcação tipo "Canoão". Essa droga foi transferida para uma embarcação de médio porte tipo recreio. O barco foi interceptado entre os municípios Codajás e Coari, e a droga estava escondida em caixas de papelão no convés da embarcação. Dois homens responsáveis pela droga foram presos. É uma carga avaliada em R$ 5 milhões", explicou. 

    Assista a live

    Na abordagem, a dupla negou ser dona da droga. Alam Cristóvão e Cristiano Bernardo não foram apresentados à imprensa por ainda estarem sob custódia da polícia em Coari.  

    A ação do Denarc contou com apoio da Delegacia Fluvial (Deflu), Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera), Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Coari, Companhia de Operações Especiais (COE), da Polícia Militar do Amazonas (PMAM) e policiais militares da região.

    Leia mais

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    ‘Aqui é FDN Zé’, diz traficante na cara da polícia em Manaus

    Vídeo: integrantes da FDN exibem armas para intimidar rivais em Manaus

    Comentários