Fonte: OpenWeather

    ocupações


    Vídeo: polícia investiga ação de milícias em invasões de Manaus

    As milícias armadas comandam um esquema de invasão e venda de terras em áreas de preservação permanente na capital

    | Foto: Reprodução/TV Em Tempo

    Manaus - Do alto é possível ver clarões em meio à floresta. Segundo os órgãos ambientais, as invasões são planejadas. Algumas famílias ocupam o local por real necessidade de moradia, mas a polícia investiga criminosos que aproveitam a situação para fazer a venda ilegal das terras invadidas e dominar a comunidade com milícias armadas.

    Nesta invasão no Tarumã, na Zona Oeste de Manaus, pelo menos 500 famílias vivem numa área que foi usada na extração de minérios. Um morador que prefere não se identificar confirma a ação dos milicianos. Sem ter para onde ir com a família, uma senhora revela que homens encapuzados costumam aparecer na calada da noite nas ruas da invasão.

    De acordo com a Delegacia do Meio Ambiente, vários são os crimes ambientais ocorridos nesses locais, entre eles a degradação de área de preservação permanente e a destruição do solo. A fauna e a flora também acabam sendo prejudicadas. Algumas plantas nativas podem até mesmo desaparecer.

    Há quatro anos, a polícia registrou 51 focos de invasão em Manaus. Dois anos depois foram 32. Já nos três primeiros meses deste ano, cinco novas invasões surgiram na cidade. A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas) disse que atua em conjunto com diversos órgãos de controle ambiental e que o monitoramento é constante.

    Veja a reportagem completa da TV Em Tempo:

    Veja reportagem | Autor: Juliano Couto/TV Em Tempo
     

    Edição: Isac Sharlon

    Leia mais:

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    PC faz alerta sobre golpe de clonagem de linhas telefônicas, em Manaus

    Com sinais de agressão, homem é encontrado agonizando em ramal

    Assista mais vídeos da TV Em Tempo

    Comentários