Fonte: OpenWeather

    Homicídio


    'Quero justiça!', afirma viúva de pedreiro morto no lugar do filho

    Segundo a família, o homem foi assassinado no lugar do filho por uma dupla, que fugiu após o crime e ainda não foi localizada pela polícia

    A mulher teve o esposo assassinado na madrugada deste sábado (6)
    A mulher teve o esposo assassinado na madrugada deste sábado (6) | Foto: Izaias Godinho/Em Tempo

     

    Manaus - “Ele era um pai de família, não era envolvido com nada de errado. Queremos justiça!”. A afirmação é da esposa de Francisco Fernandes Bastos, de 51 anos, que, apesar da entrevista, preferiu não ter o nome divulgado pela reportagem. A mulher teve o esposo assassinado, após ser atingido com oito tiros por dois suspeitos identificados apenas como “Maconha” e “Tilico”. A dupla fugiu após o crime e ainda não foi localizada.

    O crime ocorreu, na noite de sexta-feira (5), no beco Granola, situado na travessa Amazonas do bairro Nossa Senhora das Graças, Zona Centro-Sul de Manaus, mesmo local onde acontece o velório da vítima na manhã deste sábado. 

    De acordo com um familiar da vítima, que também preferiu não se identificar, os suspeitos estavam em busca de um dos seis filhos de Francisco, que, conforme testemunhas, era envolvido com tráfico de drogas.

    Os dois suspeitos foram identificados pela família apenas como “Maconha” e “Tilico”
    Os dois suspeitos foram identificados pela família apenas como “Maconha” e “Tilico” | Foto: Arquivo Pessoal

    “Os dois entraram aqui e seguiram até o final do beco e dispararam contra ele. É uma situação muito complicada. Após o assassinato, não temos mais tranquilidade e viveremos com medo”, afirmou a testemunha.

    O filho, que seria alvo dos criminosos, não havia comparecido ao velório do pai até o início da tarde de hoje, conforme apurou a reportagem com os familiares. Segundo testemunhas, ele estaria escondido com medo de represálias. 

    O crime ocorreu no beco Granola, situado na travessa Amazonas, no bairro Nossa Senhora das Graças, Zona Centro-Sul de Manaus
    O crime ocorreu no beco Granola, situado na travessa Amazonas, no bairro Nossa Senhora das Graças, Zona Centro-Sul de Manaus | Foto: Izaías Godinho

    Os policiais da 22ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), que inicialmente acompanharam a ocorrência, afirmaram que Francisco foi morto por engano.

    "Quando chegamos lá, a vítima já havia sido levada, mas testemunhas nos informaram que os executores estavam à procura de outra pessoa e balearam o pedreiro por engano, que é o pai do alvo. A vítima estava na frente de casa, quando toda a situação aconteceu", explicou um policial. 

    Após o fato, a vítima foi encaminhada para o Hospital e Pronto-Socorro (HPS) 28 de Agosto, localizado na avenida Mário Ypiranga, onde foi submetido a uma cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos e morreu por volta de 1h da manhã deste sábado (6). O caso deve ser investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros. 

    Edição: Isac Sharlon

    Leia mais:

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    Homem é baleado no lugar do filho em tentativa de execução

    Dupla é presa após invadir casa e cair da escada durante a fuga no AM

    Comentários