Fonte: OpenWeather

    Execução


    Adolescente executado em Manaus era membro da FDN, afirma família

    Emerson tinha 16 anos e foi executado com 14 tiros na madrugada de domingo (28), no Crespo, Zona Sul de Manaus

    Emerson foi executado foi morto com 14 tiros | Foto: Josemar Antunes

    Manaus - O adolescente assassinado com 14 tiros no início da madrugada de domingo (28) foi identificado por familiares, no Instituto Médico Legal (IML). Trata-se de Emerson Eliel Mesquita da Silva, de 16 anos.

    Emerson era membro da facção criminosa Família do Norte (FDN). Ele foi sequestrado e colocado à força dentro de um carro branco, na rua J.B. Silva, no bairro Crespo, na Zona Sul de Manaus.

    Horas depois, o jovem foi encontrado crivado de balas nas proximidades da Fucapi, na avenida Governador Danilo de Matos Areosa, no bairro Distrito Industrial, na Zona Sul. No local, 20 cápsulas de munições de calibre 380 milímetros foram recolhidas próximo ao corpo. A maioria dos tiros atingiu a cabeça da vítima.

    Ao Portal Em Tempo, a mãe do adolescente, Ester de Oliveira Mesquita, 30, relatou que uma vizinha avisou que Emerson tinha sido sequestrado por ocupantes de um carro branco, nas proximidades de uma boca de fumo. Ela confirmou que o filho fazia parte da Família do Norte (FDN).

    "Eu fiquei sabendo do sequestro no início da manhã por uma vizinha. Ela não deu muitos detalhes do carro. O meu filho falava que era membro da FDN. Infelizmente, eu perdi o meu filho para o tráfico de drogas", disse.

    O padrasto da vítima, Iranildo de Jesus Santana, 37, que é funcionário público, afirmou que o enteado era usuário de drogas e já tinha sido apreendido por roubo pela Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai).

    "O meu enteado passou dez dias na Deaai por roubo, mas foi colocado em liberdade para responder o ato infracional análogo pelo crime com serviços comunitários em uma escola. Ele estava disposto a mudar, mas teve uma recaída e voltou a andar com pessoas erradas", explicou o padrasto da vítima.

    O jovem será sepultado no Cemitério Parque Tarumã, na Zona Oeste. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) vai investigar o assassinato.

     Leia mais:

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    Michelle influencia Bolsonaro mais até do que ministros

    Homem é preso por estupro e criança é levada às pressas para hospital

    Comentários