Fonte: OpenWeather

    Crime


    Adolescente morre após golpe de ‘mata-leão’ em Manaus

    A vítima morreu no mesmo dia em que completava 14 anos

    Leonardo da Silva Neto recebeu um golpe de mata-leão de outro adolescente | Foto: Arquivo Pessoal

    Manaus - O estudante Leonardo da Silva Neto, morreu, na manhã desta quinta-feira (1), no Hospital e Pronto-Socorro (HPS) Delphina Abdel Rodrigues Aziz, no bairro Colônia Terra Nova, na Zona Norte de Manaus. A vítima foi agredida por outro adolescente, após um desentendimento. O jovem completava 14 anos, no dia de hoje. 

    Ao Portal Em Tempo, o tio do estudante, Wagner Gomes da Silva, de 36 anos, informou que o sobrinho estava internado após ser agredido por um adolescente, de 17 anos, com um golpe de "mata-leão". O fato aconteceu no dia 23 de julho deste ano, dentro de um supermercado, na avenida Margarita, no bairro Nova Cidade, na Zona Norte da capital. 

    "O meu sobrinho nos relatou que se desentendeu com três adolescentes. Um deles de 17 anos agrediu Leonardo dentro de um supermercado, quando ele entrou para lanchar. Ainda não sabemos o motivo da discussão. Todos da família estão tristes por causa de um crime bobo, briga de moleque. Queremos que as pessoas envolvidas neste crime paguem, mesmo sabendo que isso não trará de volta Leonardo ao convívio da família ", disse. 

    De acordo com o delegado Daniel Leão, plantonista da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), um dos adolescentes, de 17 anos, já foi identificado e qualificado. Outros dois jovens estão sendo investigados.

    "Até agora não sabemos se todos os envolvidos são adolescentes. Já iniciamos as investigações para entender o que de fato levou a morte do Leonardo. Um dos suspeitos já foi identificado e qualificado. Outros são investigados", explicou.  

    O tio da vítima informou que Leonardo era aluno da Escola Estadual Roberto dia Sanytos Vieira, situada na avenida Margarita, no bairro Nova Cidade, na Zona Norte. 

    Segundo ele, Leonardo ainda passou por duas unidades hospitalares - Hospital da Criança, conhecido como "Joãozinho, na Zona Leste e Serviço de Pronto Atendimento (SPA) Galiléia, no bairro Monte das Oliveiras, na Zona Norte. 

    Leonardo morreu por volta das 8h18, no mesmo dia do aniversário, na unidade hospitalar da Zona Norte. Ele foi diagnosticado pela equipe médica com lesão no globo ocular, após uma infecção bacteriana. O jovem ainda chegou a ser medicado com ibuprofeno para conter a bactéria.

    O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML), no bairro Cidade Nova, na Zona Norte. A mãe do adolescente morto foi orientada a registrar o caso na Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai). DEHS investiga o caso.


    Comentários