Fonte: OpenWeather

    Acerto de Contas


    Homem executado na Cidade Nova era pistoleiro da FDN, diz polícia

    Marcos Paulo foi surpreendido pelos criminosos quando chegava em casa com a família

    Marcos Paulo foi executado com sete tiros | Foto: Divulgação

     Manaus – O autônomo Marcos Paulo Souza da Silva, de 35 anos, que foi executado com sete tiros, na noite de segunda-feira (16), dentro da garagem da casa onde morava, foi identificado pela polícia como um dos pistoleiros da facção criminosa Família do Norte (FDN). Marcos tinha sido preso por tráfico de drogas e era suspeito de matar desafetos da facção.

    Segundo informações da equipe da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), o crime ocorreu por volta das 18h30, na Travessa Cametá (antiga 151), no núcleo 9, do bairro Cidade Nova, na Zona Norte de Manaus. 

    Marcos Paulo chegava em casa com a esposa e o filho quando foi surpreendido por homens desconhecidos. Os criminosos estavam em dois carros, um deles modelo Gol, de cor preta. Na ocasião, Marcos Paulo abriu a porta da residência para proteger a família. 

    Conforme a polícia, os criminosos estavam de tocaia e aproveitaram o momento que Marcos estava fechando o portão para executá-lo.

    “Após o crime, os assassinos fugiram sem serem identificados. No local, levantamos informações e há duas linhas de investigação", explicou um investigador, que preferiu não se identificar. 

    Em consulta ao Sistema Integrado de Operações de Segurança Pública (Sisp), a polícia constatou que Marcos Paulo tinha passagem por tráfico de drogas e estava em liberdade há sete anos. 

    Conforme informações da perícia criminal, do Departamento de Perícia Técnico-Científica (DPTC), a vítima foi atingida com um tiro na cabeça e o restaurante nas costas. O caso está sendo investigado pela DEHS.

    Comentários