Fonte: OpenWeather

    Tentativa de Homicídio


    Jovem, sequestrada e baleada a mando do ex, segue internada, em Manaus

    O motivo teria sido ciúmes, devido Rayssa ter terminado o relacionamento com o ex, que é ligado a uma facção criminosa, e assumido uma nova relação com outro jovem, que é integrante de outra facção rival

    A jovem está internada no Joaozinho
    A jovem está internada no Joaozinho | Foto: Divulgação

    Manaus - Rayssa Brito do Nascimento, de 14 anos, sequestrada e baleada na manhã da última terça-feira (21), segue internada no Hospital e Pronto-Socorro da Criança Joãozinho, na Zona Leste de Manaus. A adolescente acusa o ex-namorado de ser o mandante do crime.

    Rayssa foi sequestrada por cinco homens armados, que chegaram em um veículo de modelo Ford Ka, de cor vermelha, e invadiram a residência da menina, localizada na rua 15 do Conjunto Mutirão, bairro Novo Aleixo, também na Zona Leste.

    Horas mais tarde, por volta de 15h30, a adolescente foi encontrada ferida com um tiro na nuca em uma área de mata no bairro Puraquequara. No entanto, mesmo com o ferimento Rayssa conseguiu sobreviver e foi encaminhada para o Joãozinho.

    Na unidade hospitalar, a menina contou para os profissionais que os criminosos a agrediram e atiraram nela. Segundo ela, só conseguiu sobreviver pois disse aos bandidos que estava grávida.

    Mandante e o motivo do crime

    Ainda segundo a vítima, o mandante do crime seria o ex-namorado, que é ligado a uma facção criminosa. O motivo teria sido ciúmes, devido Rayssa ter terminado o relacionamento com ele e assumido uma nova relação com outro jovem, que é integrante da facção rival.

    A ocorrência foi registrada na Delegacia Especializada em Criança e ao Adolescente (DEPCA), e segue sendo investigada.

    Comentários