Fonte: OpenWeather

    Tiroteio


    Para fugir, suspeito atira em policiais e acaba morto em Manaus

    O suspeito trocou tiros com policiais da 15º Cicom e da Rocam e acabou morto

    O suspeito ainda foi levado para o hospital, mas morreu minutos depois
    O suspeito ainda foi levado para o hospital, mas morreu minutos depois | Foto: Divulgação

    Manaus - Um homem foi morto, na madrugada desta sexta-feira (24), durante troca de tiros com policiais militares da 15ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) e da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam). O fato aconteceu na comunidade Vale do Amanhecer, situada na rua Araguaia, no bairro Nova Cidade, Zona Norte de Manaus. 

    Conforme informações da polícia, a população ligou para o número 190 e informando que um grupo de criminosos estava armado na região e que, possivelmente, haveria um confronto entre facções na comunidade.

    No local, os policiais foram recebidos a tiros. Com isso, uma equipe da Rocam foi acionada para dar apoio.

    Durante a troca de tiros, um dos homens foi atingindo com um tiro na região do tórax. Ele ainda foi levado pelos policiais ao Hospital Delphina Azzis, na Torquato Tapajós, mas não resistiu e morreu minutos depois.

    Com o suspeito, a polícia encontrou uma arma longa, com o cano serrado, de calibre 36, contendo nove munições intactas e uma deflagrada.

    Na unidade hospitalar, o médico que atendeu ao paciente informou aos policiais que encontrou entorpecentes na roupa do dele. O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML).

    Outros casos 

    Somente neste mês de janeiro, sete suspeitos foram mortos durante confronto com policiais militares. No dia 17, cinco bandidos do Comando Vermelho (CV) morreram durante troca de tiros com policiais da Rocam, no bairro Colônia Oliveira Machado, Zona Sul.

    O tiroteio aconteceu durante uma perseguição policial na avenida Presidente Kennedy, próximo ao Porto Chibatão. Segundo o tenente Guilherme da Rocam, comandante operação, o bando estava preparado para atacar uma boca de fumo no Beco da Bomba, que pertence a traficantes da Família do Norte (FDN).

    Já no dia 19, outro suspeito morreu após atirar contra uma equipe da Rocam durante uma abordagem policial. A intervenção policial aconteceu na avenida Vera Cruz, antiga Central, nas proximidades da empresa Via Verde, no bairro Lírio do Vale, Zona Oeste de Manaus. 

    Comentários