Fonte: OpenWeather

    Denarc


    Em Manaus, traficante 'Keka' cai com R$ 100 mil em cocaína e pistolas

    O traficante era um dos principais distribuidores de drogas do bairro da Matinha, na Zona Sul. Com ele ainda foi apreendida uma pistola que havia sido roubada da Receita Federal

    O suspeito escondia as drogas na residência onde morava, no Dom Pedro
    O suspeito escondia as drogas na residência onde morava, no Dom Pedro | Foto: Divulgação

    Manaus -  Após uma ação do Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc), Nilson França Gonçalves, de 35 anos, conhecido como “Keka”, foi preso, na tarde desta quarta-feira (25), enquanto se preparava para fazer mais uma entrega de drogas em "bocas de fumo" da capital amazonense. O homem foi capturado nas proximidades da casa onde morava, no bairro Dom Pedro, Zona Centro-Oeste de Manaus. 

    Com o suspeito foram apreendidos 10 quilos de cocaína, avaliados em torno de R$ 100 mil. Além de três pistolas, calibres ponto 40, sendo que uma das armas havia sido roubada da Receita Federal, em 2015.

    O delegado Paulo Mavignier, diretor do Denarc, explicou que o traficante era um dos principais distribuidores de drogas do bairro da Matinha, na Zona Sul. O suspeito estava sendo investigado há 10 dias. Ele usava a própria residência para armazenar os entorpecentes.

    "O suspeito foi abordado perto de sua casa, no Dom Pedro. Ele estava dentro de seu veículo a caminho do local onde faria uma entrega na Matinha. Durante a revista foi encontrado no carro apenas um quilo de droga. Como já sabíamos onde ele guardava o material ilícito, fomos na residência dele e achamos o restante da droga e as armas", relatou Mavignier. 

    Uma das pistolas apreendidas apresentava o brasão da Receita Federal. Após uma consulta, a equipe de investigação constatou que a arma havia sido roubada do órgão há cinco anos. Questionado pelos policiais, o suspeito informou que tinha comprado a pistola e não deu outros detalhes.

    "Keka" já tinha passagem por tráfico de drogas. Ele foi encaminhado para a sede do Denarc. Ao término dos trâmites cabíveis, ele será levado para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), situada no Km 8 da rodovia federal BR-174, de onde será feita a audiência de custódia por videoconferência.

    Comentários