Fonte: OpenWeather

    Prática criminosa


    Polícia acaba com ‘rachas’ e ‘rolezinhos’ em Manaus; seis foram presos

    Foram apreendidos 34 veículos, recuperadas quatro motocicletas com restrição de roubo e emitidos 72 autos de infração de trânsito

    Motos apreendidas durante a ação
    Motos apreendidas durante a ação | Foto: Yasmin Feitosa

    Manaus - Praticantes de “rachas” e “rolezinhos” foram surpreendidos na noite de quarta-feira (6) por uma operação conjunta entre Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) e Polícia Civil do Amazonas (PC-AM). Ao todo, seis pessoas foram presas e um adolescente de 16 anos foi apreendido.

     Foram apreendidos 34 veículos, recuperadas quatro motocicletas com restrição de roubo e emitidos 72 autos de infração de trânsito.

    O primeiro flagrante aconteceu na avenida do Turismo, Zona Centro Oeste, segundo o delegado Cícero Túlio, titular da Derfv. "Tínhamos conhecimento de que na noite de ontem iria acontecer uma dessas competições e as equipes se deslocaram até ao local. Houve uma abordagem e foi possível prender quatro pessoas em posse de quatro veículos, entre os envolvidos dessa organização criminosa estão pessoas vinculadas com o tráfico, estudantes universitários, empresários da região metropolitana e operadores do direito", disse o delegado.

    Carros apreendidos com com os suspeitos
    Carros apreendidos com com os suspeitos | Foto: Divulgação

    De acordo com o coordenador geral do Núcleo Especializado em Operações de Trânsito (Neot), do Detran-AM, Victor Mansur, o segundo flagrante foi realizado por meio do disck denúncia, na plataforma whatsapp.

     "Durante a operação da Derfv, visando combater a prática de corridas clandestinas, o NEOT, por meio de denúncias, iniciou o combate a prática de "rolezinho", na avenida Max Teixeira, bairro Mauazinho, e conseguimos interceptar um grupo de rolezinho, sendo um menor de idade, além de apreender 29 motocicletas, dessas, quatro estavam com sinais de adulteração na identificação”, disse o coordenador.

    Delegacia Cícero Túlio, titular da Derfv
    Delegacia Cícero Túlio, titular da Derfv | Foto: Divulgação

    Procedimentos

     Na DERFV, os quatro suspeitos presos no bairro Ponta Negra, após serem autuados em flagrante, pagaram fiança no valor de R$ 2,8 mil cada, foram liberados e irão responder ao processo em liberdade.

     Já para os dois homens autuados por receptação, foi arbitrada fiança no valor de R$ 1 mil para cada, mas até o momento o valor não foi pago. O adolescente foi conduzido para Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai). 

    Outras pessoas que integravam o grupo de motociclistas que estavam praticando o “rolezinho” acabaram autuadas por diversas infrações de trânsito. Ao todo foram emitidos 72 autos aos condutores.

    Os veículos foram levados para o Detran-AM
    Os veículos foram levados para o Detran-AM | Foto: Yasmin Feitosa

    Conduta ilícita

    A prática de “rolezinho” também é enquadrada no artigo 308 do CTB, que em sua redação completa diz que “participar, na direção de veículo automotor, em via pública, de corrida, disputa ou competição automobilística ou ainda de exibição ou demonstração de perícia em manobra de veículo automotor, não autorizada pela autoridade competente, gerando situação de risco à incolumidade pública ou privada” é considerado crime de trânsito e prevê “detenção, de 6 (seis) meses a 3 (três) anos, mais multa e suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor”.

    Comentários