Fonte: OpenWeather

    Caso Miss


    Réu confesso, Rafael diz a advogados que está abalado emocionalmente

    Advogados levaram alimentação e medicamentos, na manhã de domingo (17), ao analista judiciário que está preso na DEHS

    Advogado Johnny Brito disse que Rafael confessou o crime em depoimento na DEHS, ainda na madrugada | Foto: Suyanne Lima

    Manaus- Os advogados de Rafael Fernandez Rodrigues, de 31 anos, estiveram na manhã deste domingo (17), no prédio da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), para fornecer alimentação e medicamentos ao principal suspeito da morte da Miss Manicoré, Kimberly Karen Mota, que tinha 22 anos. Na oportunidade, eles aproveitaram para conversar com a imprensa e disseram que Rafael está abalado emocionalmente. 

    O advogado Johnny Brito explicou que o primeiro contato com Rafael foi durante o depoimento prestado na madrugada deste domingo (17), à delegada Zandra Ribeiro, adjunta da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros em Homicídios e Sequestros (DEHS). Na ocasião, Rafael confessou que matou Kimberly. 

    Advogados de Rafael Fernandez Rodrigues | Autor: Cesar Gomes
     

    "Nós acompanhamos todo o depoimento dele e em momento algum ele negou a autoria do crime. Rafael é réu confesso. A partir de agora vamos nos inteirar sobre o conteúdo nos autos e fazer o trabalho que um advogado constitucional deve fazer nesse momento, que é o trabalho da defesa", explicou. 

    Brito contou que foi acionado por um familiar de Rafael para acompanhar o caso. Questionado sobre como Rafael passou a primeira noite na carceragem da DEHS, o advogado disse que o analista judiciário está abalado emocionalmente. 

    "Nesse tipo de caso, normalmente demora para o réu cair na real. Ele demonstra arrependimento, sabe da gravidade do ato que cometeu e falou isso abertamente para as autoridades policiais, mas agora tem que responder por isso", destacou Brito. 

    Advogados de Rafael Fernandez Rodrigues | Autor: Cesar Gomes
     

    Durante a manhã deste domingo (17), Rafael recebeu dos advogados alimentação e medicamentos. O almoço foi deixado na carceragem às 11h30.

    Em relação aos procedimentos de audiência de custódia, Johnny Brito disse que  a equipe de advogados ainda está se inteirando do caso mas que há possibilidade de que Rafael seja transferido a uma unidade prisional ainda neste domingo (17).

    Comentários