Fonte: OpenWeather

    Prisão


    Vídeo: Principal suspeito de matar cozinheira asfixiada é preso

    As causas da morte foram asfixia mecânica e constricção dos vasos do pescoço

    O caso aconteceu na casa onde a vítima trabalhava
    O caso aconteceu na casa onde a vítima trabalhava | Foto: Divulgação

    Um homem, que não teve a idade informada, foi preso na noite desta segunda-feira (03) suspeito de ter matado a cozinheira Gilmara de Almeida da Silva, de 45 anos, na zona oeste do Rio de Janeiro. Policiais da Delegacia de Homicídios da Capital (DHC) cumpriram um mandado de prisão temporária contra ele pelo crime de homicídio. 

    Gilmara foi assassinada no último dia 30, na casa onde trabalhava. No atestado de óbito consta que as causas da morte foram "asfixia mecânica e constricção dos vasos do pescoço", o que pode indicar que ela foi vítima de violência. A perícia ouviu testemunhas e familiares até chegarem no acusado. 

    No dia do crime, a família  recebeu uma ligação dizendo que a mulher havia desmaiado no serviço, por isso, teve de ser levada para o hospital. Entretanto, a informação oficial do pronto-socorro é que Gilmara já tenha chegado morta no local. A polícia segue investigando o caso.

    Assista a reportagem do caso:

    Comentários