Fonte: OpenWeather

    Agressão


    Com um terçado, homem ameaça de morte a própria companheira em Manaus

    Segundo a companheira, marido ainda tentou jogar a mulher do segundo andar do imóvel

    De acordo com a vítima, ela teria sofrido socos, empurrões e ameaças com terçado, além de ser arrastada até a varanda e o mesmo ameaçava que iria jogá-la do 2º andar | Foto: Divulgação

    Manaus - Um homem identificado como Valdecy Bindá, 43, foi preso em flagrante na manhã desta segunda-feira (24), após sua companheira informar a polícia que foi agredida e ameaçada com um terçado, dentro da residência em que moram juntos na rua Chico Mendes, no bairro Novo Israel, Zona Norte de Manaus.

    Segundo a delegada da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher (DECCM), Acácia Pacheco, a vítima, identificada como Maria Pereira, 43, compareceu na delegacia com hematomas no corpo, informando que foi agredida pelo companheiro, na qual mora juntos há cerca de seis meses.

    “Ela veio até a delegacia bem cedo e relatou que o companheiro tinha a agredido e tentado jogar ela do segundo andar do imóvel onde eles moravam e queria ajuda”, explicou Acácia.

    O flagrante

    De acordo com a delegada, a vítima realizou o Boletim de Ocorrência (BO) e logo uma viatura da DECCM foi até residência para a prisão do acusado.

    “A versão da vítima é que, ela estava desconfiada do meio de ganho dele, relatando que o homem saía de madrugada e retornava no outro dia e muitas vezes com um valor em espécie onde o mesmo tentava esconder dentro da casa”, explicou Acácia.

    De acordo com a vítima, um familiar de Valdecy informou que o mesmo era usuário de drogas e comercializava os entorpecentes. A partir daí, a mulher decidiu questionar o marido e pediu separação, momento este que deu início às possíveis agressões.

    “Ele começou a ameaçá-la dizendo que se ela não ficasse com ele, o mesmo iria matá-la”, disse a delegada sobre a versão da vítima.

    As agressões

     De acordo com a vítima, ela teria sofrido socos, empurrões e ameaças com terçado, além de ser arrastada até a varanda e o mesmo ameaçava que iria jogá-la do 2º andar.

    “Ela tem marcas compatíveis com os relatos. Em razão disso, ele esta sendo autuado em flagrante por lesão corporal e será apresentado em audiência de custódia”, explicou Pacheco.

    Acusada de doença mental

    De acordo com a delegada, o homem acusou a esposa de ter problemas mentais e disse que não cometeu as agressões e ameaças.

    “Ele nega e diz que não bateu. O homem também relata não ser usuário de drogas e não vender entorpecentes, além de dizer que a mulher tem problemas mentais e a mesma teria bebido, por conta disso teria criado toda essa situação”, disse a delegada sobre a versão do acusado.

    De acordo com a delegada, o homem afirmou ter pedido a separação por conta dessa suposta doença mental. “Ele disse que ela é uma ótima pessoa, mas quando bebe fica transtornada e ele não queria mais ficar com ela”, finalizou a delegada.

    Leia Mais

    PM que pisou em pescoço de mulher é indiciado por abuso de autoridade

    Lei Maria da Penha completa 14 anos com mais de 9 mil casos no AM

    Comentários