Fonte: OpenWeather

    Preocupação na política


    Vídeo: políticos do AM dizem temer vazamento de mensagens sigilosas

    A preocupação é que os dados compartilhados possam comprometer os trabalhos do poder público

    Políticos comentam os vazamentos do ministro Sérgio Moro e como isso pode afetar seu trabalho | Foto: Reprodução/TV Em Tempo

    Manaus - Políticos do Amazonas como o prefeito Arthur Neto (PSDB), além de alguns deputados estaduais vêem com preocupação a situação que expôs as interferências do ministro Sérgio Moro, quando era juiz federal, na condução dos trabalhos do Ministério Público Federal (MPF), ação proibida  pela lei orgânica da magistratura.

    O deputado Álvaro Campêlo (PP) revela que trabalha com informações sigilosas, mas pondera que vazamentos nem sempre trazem o conteúdo completo de uma conversa.

    Deputados que encabeçam comissões parlamentares e que recebem informações sigilosas estão preocupados com vazamento de dados importantes. Alguns assuntos são polêmicos e poderiam atrapalhar o trabalho dos deputados.

    Os deputados Wilker Barreto (PHS) e Dermilson Chagas (PP) acreditam que têm suas comunicações telefônicas monitoradas e já entraram com pedido de investigação policial.

    A deputada Joana D'Arc (PR) também está preocupada com o vazamento de informações, já que recebe dados sigilosos em relação a comissões de inquérito parlamentar. O prefeito de Manaus, Arthur Neto também vê a situação com preocupação e diz que é solidário ao ministro Sérgio Moro.

    Veja a reportagem completa da TV Em Tempo:

    Veja reportagem | Autor: Juliano Couto/TV Em Tempo
     

    Leia mais:

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    Assista mais vídeos da TV Em Tempo

    Comentários