Fonte: OpenWeather

    Benefício


    Vereador Joelson Silva comemora pagamento de auxílio para estudantes

    O investimento total é de R$, 2,9 milhões e irá beneficiar mais de 58 mil alunos, regularmente matriculados na Semed.

    Manaus - O auxílio do programa “Nossa Merenda” no valor de R$ 50, cujo projeto recebeu um acréscimo de 100% no valor original, após apresentação de uma emenda parlamentar, de autoria do presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), Joelson Silva (Patriota), começa a ser pago nesta segunda-feira (8) pela Prefeitura de Manaus.

    O Projeto de Lei, de autoria do Executivo Municipal, que viabiliza o pagamento, foi aprovado em março deste ano´
    O Projeto de Lei, de autoria do Executivo Municipal, que viabiliza o pagamento, foi aprovado em março deste ano´ | Foto: Robervaldo Rocha - Dircom/CMM

    O investimento total é de R$, 2,9 milhões e irá beneficiar mais de 58 mil alunos, regularmente matriculados na Secretaria Municipal de Educação (Semed) e que vivem em situação de vulnerabilidade social e econômica. 

    O Projeto de Lei, de autoria do Executivo Municipal, que viabiliza o pagamento, foi aprovado em março deste ano pela Câmara, e faz parte das ações emergenciais, adotada de forma mútua pelos poderes legislativo e executivo, no enfrentamento à pandemia provocada pelo coronavírus.  

    Na emenda 001/2020, que possibilitou o aumento de 100% no valor inicial, de R$ 25, para R$ 50 por aluno, Joelson Silva justificou que a medida visava garantir o reforço na alimentação dos estudantes mais vulneráveis economicamente, lembrando que, por conta da suspensão das aulas presenciais na rede municipal, os alunos tiveram de ficar em casa, e que muitos deles sequer têm o que comer. 

    “Esse auxílio é mais do que justo, pois estamos tratando da alimentação de pessoas que, têm na merenda escolar, uma das principais, senão a principal fonte de suprimento de suas necessidades nutricionais”, disse o chefe do legislativo municipal.  

    Neste domingo (7), o parlamentar voltou a destacar o empenho dos vereadores e da equipe técnica do prefeito Arthur Neto, que não mediram esforços para fazer com que o benefício chegasse aos alunos.

    “Começar a semana sabendo que muitas crianças receberão mais um amparo nesse momento de pandemia é gratificante”, frisou Joelson.  

    Como forma de garantir a alimentação aos alunos e, consequentemente, a manutenção das aulas à distância, desde o último mês de abril, a prefeitura tem distribuído kits do “Hora da Merenda” aos pais ou responsáveis pelos alunos. Atualmente, a rede escolar do município possui 242 mil estudantes regularmente matriculados, distribuídos em 28 unidade escolares.   

     Cadastro 

    Para ter direito ao benefício “Nossa Merenda”, as famílias devem se cadastrar no aplicativo “Carteira BB”, do Banco do Brasil, e informar a quantidade de crianças matriculadas na rede municipal de ensino. A lista dos beneficiários estará disponível no site da Semed http://semed.manaus.am.gov.br/

    Mais de 41 mil famílias devem receber o benefício, que será pago conforme o previsto na Lei 1.402, de 14 de janeiro de 2010, que instituiu o programa Bolsa Família Municipal Consorciada (BFMC), destinado à transferência de renda mínima para famílias em situação vulnerável.


    Com informações da assesoria


    Saiba Mais

    https://d.emtempo.com.br/amazonas-cidades/206955/nossa-merenda-sera-pago-na-segunda-feira-8-em-manaus

    https://d.emtempo.com.br/amazonas/196639/camara-dobra-proposta-de-auxilio-nossa-merenda

    https://d.emtempo.com.br/amazonas/196376/nossa-merenda-podera-garantir-alimentacao-de-80-mil-alunos

    Comentários