Fonte: OpenWeather

    Educação


    Marcelo afirma que vai criar a Universidade Municipal de Manaus

    Modelo idealizado pelo advogado vai atender todo estudante que terminar o Ensino Médio

    O candidato do PCdoB aproveitou para anunciar oficialmente uma das suas propostas para a educação
    O candidato do PCdoB aproveitou para anunciar oficialmente uma das suas propostas para a educação | Foto: Divulgação

    Manaus - O candidato a prefeito do PCdoB, Marcelo Amil, em entrevista ao BNC Amazonas, anunciou nesta segunda - feira (28), que pretende construir uma Universidade Municipal de Manaus, caso seja eleito.

    No primeiro compromisso, Marcelo visitou a feira do bairro Cidade Nova, localizada na Zona Norte de Manaus e conversou com os permissionários e lideranças locais sobre o abandono das feiras por parte do poder público. Se for eleito, Amil disse que vai chamar todos os feirantes para traçar alternativas que viabilizem uma melhor infraestrutura e aumento o fluxo de clientes nos locais.

    "Nós queremos incluir as pessoas no nosso plano de governo. Assim nós vamos escolher a melhor solução para todos. Nós não vamos chegar com uma suposta solução para implementar. Muitas dessas soluções foram feitas sobre o olhar de quem não vive o problema, por isso tem mais chances de errar", relatou Marcelo.

    Na entrevista ao portal, o candidato contou sua história de vida, desde quando vendia balas de mangarataia na rua até chegar a ser o candidato a prefeito de Manaus. Segundo ele, tudo só foi possível porque ele aproveitou as boas oportunidades e trabalho incansavelmente pelos resultados.

    "Quero ser prefeito, porque oportunidades mudam a vida das pessoas, como mudou a minha e eu quero isso para todos", enfatizou.

    O candidato do PCdoB aproveitou para anunciar oficialmente uma das suas propostas para a educação: a criação da Universidade Municipal de Manaus (UMM). O modelo idealizado pelo advogado vai atender todo estudante que terminar o Ensino Médio.

    "O estudante já vai sair direto para a universidade. Ela funcionará de forma online e será gratuita. Todo o aparato tecnológico que existe, nós usaremos para a Educação. A pandemia veio para provar que o sistema de educação online é o futuro e com planejamento é possível fazer uma educação de qualidade jamais vista, dando oportunidade de todo jovem de Manaus ter um curso superior", destacou Marcelo.

    O candidato relembrou que hoje existe a Bolsa Universidade, que é quando a Prefeitura paga a vaga de um aluno numa faculdade particular. Com um terço do dinheiro disponibilizado para este programa, a gestão municipal conseguirá arcar com os custos da UMM. "Não vamos garantir só a vaga de alguns, mas de todos os alunos do Ensino Médio. Todos terão a oportunidade de fazer um curso superior sem passar por vestibular".

    Amil informou que toda a elaboração do projeto será feita em parceria com os professores das redes pública e particular, colocando quem entende os principais problemas dos alunos para serem os coautores do projeto.

    "Esse projeto de educação será pioneiro e um exemplo mundial. Principalmente por reduzir custos e elevar o padrão de Educação. Muitos países querem investir em Manaus e nós vamos estar abertos a isso. Oportunidades fazem a diferença, peço um voto de confiança na eleição para fazer Manaus ser governada por quem já andou de ônibus e sabe os problemas locais’, concluiu a candidato Marcelo Amil.

    Nova pesquisa aponta crescimento de Marcelo Amil

    A pesquisa do Instituto DMP/Tiradentes, divulgada nesta segunda-feira (28), aponta o crescimento do candidato do Partido Comunista do Brasil (PCdoB), Marcelo Amil, na consulta estimulada. Na última pesquisa divulgada pela EAS Consultoria e Estatística, Marcelo Amil já havia triplicado a porcentagem de intenção de voto, mas ainda estava atrás dos demais candidatos. 12 dias depois, ele já aparece à frente de Romero Reis e Gilberto Vasconcelos.

    Esta é a primeira pesquisa da empresa após o início da campanha eleitoral. Para o candidato a prefeito, este é um sinal de que a campanha está ganhando "corpo" e pode surpreender até o 1º turno das eleições, marcado para o dia 15 de novembro.

    "É um resultado extremamente animador. Se observarmos as margens de erro, nós praticamente estamos empatados com um pelotão de candidaturas, que está no mesmo patamar. A gente está mostrando as nossas ideias e sabemos que elas são viáveis e embasadas em estudos. Manaus começa a mostrar que está entendendo isso", declarou Marcelo.

    A pesquisa do Instituto DMP/Tiradentes, registrada na Justiça Eleitoral sob o número AM-01820/2020, foi realizada entre o período 22 e 25 de setembro. Foram ouvidos 1.003 eleitores e a margem de erro da pesquisa é de 3%.

    Taxa de rejeição

    Outro ponto positivo da pesquisa tem relação com a taxa de rejeição. Entre os demais candidatos, Marcelo Amil é um dos poucos que não caiu no desgosto popular. Jovem e um representante da advocacia, o candidato do PCdoB mostra que tem um potencial de crescimento.

    "Agora que Manaus está conhecendo quem é o Marcelo Amil e os nossos projetos para Manaus. Sou um advogado que chegou até aqui com muita luta e um dos poucos que entende de fato a necessidade da população. Eu passei a vida pegando ônibus ou acordando cedo para ir a uma consulta médica. Nós estamos trabalhando para continuar crescendo nas próximas pesquisas", detalhou Amil.

    *com informações da assessoria

    Leia Mais

    Marcelo Amil está entre os pré-candidatos com menor taxa de rejeição

    Com esquerda e direita fragmentadas, centro pode sair na vantagem

    Comentários