Fonte: OpenWeather

    Segurança Pública


    Capitão Carpê vai comandar a Comissão de Segurança Pública Municipal

    A comissão é a primeira da Câmara Municipal de Manaus, após 18 legislaturas, criada para prevenção da violência e da criminalidade na cidade

     

    | Foto: Ítalo Sena

    Manaus - O vereador Capitão Carpê Andrade (Republicanos) foi eleito nesta segunda-feira (12), presidente da primeira Comissão Técnica Permanente de Segurança Pública Municipal, o parlamentar é autor do Projeto de Resolução que criou a comissão. 

    A comissão é a primeira da Câmara Municipal de Manaus, após 18 legislaturas, criada para prevenção da violência e da criminalidade na cidade, fiscalizar a aplicação de políticas públicas, programas e projetos relacionados à segurança, criação de ações voltadas a proteger o cidadão em suas atividades diárias, opinar sobre a criação de órgãos municipais que tratem da segurança, bem como sobre a reestruturação e plano de carreiras da Guarda-Municipal. 


     “Tenho orgulho de presidir a primeira comissão de segurança municipal. Me sinto preparado para dialogar com as autoridades de segurança pública do estado e do governo federal. Dentro da comissão vamos buscar alternativas como realização de projetos sociais com intuito de diminuir a desigualdade social, mapeamento que aponte pontes de risco na cidade onde podemos massificar projetos envolvendo jovens, implementar políticas para reduzir a evasão escolar e diminuir a vulnerabilidade. A segurança púbica é dever dos Estados e direito e responsabilidade de todos”, afirmou o vereador. 

    A comissão é composta por 14 membros, divididos em sete titularidades e sete suplentes, escolhidos conforme os critérios de proporcionalidade entre os blocos partidários. O Projeto de Resolução contou com a assinatura de 26 vereadores.

     

    A composição da Comissão conta com os vereadores Antônio Peixoto (PTC), como vice-presidente; Eduardo Assis (Avante), Lissandro Breval (Avante), William Alemão (Cidadania), João Carlos (Republicanos), Glória Carrate (PL), como membros; Professora Jacqueline (Podemos), Márcio Tavares (Republicanos), Bessa (Solidariedade), Rodrigo Guedes (PSC), Jaildo Oliveira (PCB), Caio André (PSC), Yomara Lins (PRTB), como suplentes.

    *Com informações da assessoria 

    Leia mais:

    'Entrei para fazer o que os outros ainda não fizeram', diz Carpê

    Carpê diz que vai processar MBL após acusação sobre cabide de emprego

    Vereador pede à Prefeitura reforço da segurança nas UBS's da capital


    Comentários