Fonte: OpenWeather

    CCJ


    Sérgio Moro: ‘Sempre agi conforme a lei’

    A declaração foi feita durante a audiência na CCJ do Senado nesta quarta-feira (19)

    O ministro presta esclarecimentos na CCJ | Foto: Divulgação

    O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, afirmou que sempre agiu dentro da lei no período em que foi responsável pelas ações da Lava Jato em Curitiba. “O que eu posso, no entanto, assegurar é que na condução dos trabalhos como juiz no âmbito da Operação Lava Jato eu sempre agi conforme a lei”, afirmou em audiência na CCJ do Senado nesta quarta-feira (19).

    Segundo ele, a função sempre exigiu muito de sua dedicação e esforço e que por isso, sempre foi alvo de ataques e críticas. “Pensei que saindo da magistratura e vindo assumir essa posição de ministro esses ataques ao trabalho de juiz, enfrentado a corrupção com a aplicação imparcial da lei teriam acabado, mas pelo jeito me enganei”, disse Moro.

    O ex-juiz voltou a afirmar que os vazamentos de conversas feitos pelo site The Intercept Brasil são fruto de uma “invasão criminosa” com o “objetivo de invalidar condenações ou obstaculizar investigações em andamento”. Esses ataques aconteceram “a fim de minar os esforços anticorrupção que foram uma conquista da sociedade brasileira nos últimos cinco anos, ataque às conquistas da sociedade brasileira”, afirmou Moro. Segundo reafirmou o ministro, contatos entre juízes e procuradores são normais no Brasil.

    Leia mais: 

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    Governo Bolsonaro imprime o terceiro ataque à Zona Franca de Manaus

    Irmãos Bolsonaro rebatem Jean Wyllys: 'Está soltando a franga hoje'


    Comentários