Fonte: OpenWeather

    Câmara dos Deputados


    Deputada denuncia Eduardo Bolsonaro ao Conselho de Ética por ameaça

    Ex-bolsonarista, a parlamentar diz que o filho do presidente da República tenta intimidá-la nas redes sociais desde 2019, quando rompeu com o governo Bolsonaro

     

    | Foto: Reprodução


    Brasília - Alegando que vem sendo perseguida e ameaçada nas redes sociais, a deputada Dayane Pimentel, do PSL da Bahia, denunciou nesta terça-feira (14) o deputado Eduardo Bolsonaro ao Conselho de Ética da Câmara. Ex-bolsonarista, a parlamentar diz que o filho do presidente da República tenta intimidá-la nas redes sociais desde 2019, quando rompeu com o governo Bolsonaro.

    De acordo com a denúncia de Pimentel, o ataque mais recente de Eduardo Bolsonaro foi nesta segunda-feira (13), quando ele publicou uma foto em que a deputada aparece com um alvo no rosto. Eduardo chamou a colega de “traíra”. Em outra publicação contra a deputada, Eduardo reproduziu uma música que diz: “Traíra, quem age assim acaba na alça da mira”.

    "

    Eduardo Bolsonaro vem perseguindo, ameaçando e atentando contra a honra da deputada Dayane no seu perfil nas redes sociais, chamando-a de traidora, bem como colocando, de maneira assustadora, temerária e ameaçadora, um alvo no rosto da deputada. Dayane Pimentel teme pela sua segurança e integridade física "

    , atestou o documento.

     

    Se aceitar a denúncia e considerar que houve quebra de decoro parlamentar, o colegiado da Câmara pode recomendar a cassação do deputado.

    *Com informações do Metrópoles

    Leia mais:

    STF nega pedido de Tolentino para faltar a depoimento na CPI

    Indígenas desmontam acampamento no Distrito Federal

    Após suspensão, Aleam aguarda retomada da CPI da AM Energia

    Comentários