Fonte: OpenWeather

    Política


    Gisele Lopes assume vaga no TRE/AM

    Emocionada, ela disse que sente um peso maior em representar as mulheres amazonenses, em especial as advogadas

    isele Falcone Medina Pascarelli é advogada e se tornou primeira desembargadora do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas
    isele Falcone Medina Pascarelli é advogada e se tornou primeira desembargadora do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas | Foto: Malika

    A advogada Gisele Falcone Medina Pascarelli Lopes se tornou, nesta terça-feira (22), a primeira desembargadora do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas na vaga destinada aos membros da advocacia.

    Emocionada, ela disse que sente um peso maior em representar as mulheres amazonenses, em especial as advogadas. A posse foi bastante prestigiada, com o auditório do Tribunal de Justiça Lotado de convidados; entre os quais, o governador Wilson Lima.

    Mantenham o protagonismo!

    A dez dias de deixar a presidência da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), o deputado David Almeida (PSB), que ficará sem cargo político, conclamou aos colegas reeleitos e aos novatos que a partir do 1º de fevereiro assumem os cargos que mantenham o parlamento estadual com o protagonismo, que, segundo ele, foi resgatado em sua gestão.

    “A população hoje acredita na Assembleia. O parlamento estadual passou a ser procurado diariamente por todas as categorias, em busca de soluções para as suas demandas. Eu espero que os deputados que vão assumir na nova legislatura não permitam que isso mude e que a população possa continuar acreditando na Assembleia”, disse Almeida.

    Independência

    David diz que tem conversado com os parlamentares para que mantenham o Poder Legislativo com a postura independente em relação ao Executivo, mas harmônico com os todos poderes.

    “Eu acredito que a Assembleia não vai perder seu protagonismo”, avaliou.

    Plenário novo

    Na próxima semana, antes de deixar a presidência da Aleam, David entregará o plenário Ruy Araújo reformado e outras obras que estão andamento desde novembro de 2018; dentre elas, a passarela coberta que liga o prédio principal ao edifício garagem.

    Ele informou que todas as obras estão sendo concluídas com recursos oriundos de negociação com o Banco Bradesco, sem mexer no repasse orçamentário do Executivo ao Legislativo.

    Quem será o(a) líder?

    Se a disputa pela presidência da Aleam está polarizada entre Josué Neto (PSD) e Belarmino Lins (PP), uma dúvida ainda paira nos bastidores políticos amazonense: quem será o líder do governador Wilson Lima (PSC)?

    Não foi convidada

    Engajada na campanha de Wilson, sobretudo no segundo turno das eleições, a deputada Alessandra Campêlo (MDB) é uma das cotadas. Indagada pela CONTEXTO, contudo negou a possibilidade.

    “Não fui convidada para ser líder do governo”, garantiu.

    Nas mãos de Moutinho

    A relatoria das contas do primeiro ano de governo de Wilson Lima ficará nas mãos do conselheiro Ari Moutinho Júnior.

    O anúncio foi feito pela conselheira-presidente do TCE-AM, Yara Lins dos Santos, ontem, na 1ª sessão ordinária de 2019 da corte.

    Arthur com Josué

    Já o prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB), terá suas contas acompanhadas pelo conselheiro Josué Filho.

    As relatorias foram definidas pelo critério de rodízio entre os membros do colegiado. O anúncio antecipado acontece para que os relatores possam acompanhar, ao longo de 2019, toda a execução orçamentária das duas administrações.

    Prazo

    As duas contas gerais dos dois gestores deverão ser entregues ao TCE até o dia 31 de março de 2020.

    Bolsonaro, o ambientalista

    O presidente Jair Bolsonaro invocou a Amazônia e a preservação dela, ao falar para grandes empresários durante o discurso dele no Fórum Econômico de Davos, na Suíça. Disse que o país não irá abandonar o Acordo de Paris, uma pauta ambiental a que ele demonstrava ojeriza durante a campanha do ano passado.

    Agora o que surpreendeu mesmo foi o desconhecimento dele sobre as florestas nacionais. Em alto e bom som, disse que 30% do nosso território era formado por florestas. Não poderia ter anunciado um número mais errado. De acordo com a Embrapa, em estudo de 2017, 61% do território nacional é formado por vegetação nativa. A Nasa tem outro cálculo: 66%.

    Amazônia estratégica

    Em Manaus, o prefeito Arthur Virgílio Neto (PSDB) voltou a defender a Zona Franca de Manaus (ZFM) e das reformas estratégicas para salvar o Polo industrial de Manaus (PIM) e inseri-lo na quarta revolução industrial. Ele entende que só assim será possível ao Brasil manter a Floresta Amazônica viva. “O futuro do Brasil passa pelo reconhecimento estratégico da Amazônia”, diz Arthur.

    Alças viárias

    A Prefeitura de Manaus abre, amanhã, ao tráfego duas novas alças de retorno na avenida Governador José Lindoso, a avenida das Torres. Com elas ficarão mais fáceis as manobras de retorno nos dois sentidos da via pública, que é a principal ligação com a Zona Norte.

    Você gosta das Notas da Contexto? Então leia mais:

    Vale tudo por vaga na Assembleia Legislativa

    Porte de arma, contra ou a favor?

    Meu secretariado está à disposição das prefeituras do AM, diz Wilson

    Comentários