Fonte: OpenWeather

    Zona Franca


    Alcolumbre, o novo defensor da Zona Franca de Manaus

    Alcolumbre jura de pés juntos que está comprometido com o Amazonas

    O DEM, de Pauderney Avelino, está no comando do Congresso Nacional. A vitória de David Alcolumbre (DEM-AP) fortaleceu o partido, juntamente com a reeleição de Rodrigo Maia (DEM-RJ).

    — Os dois presidentes, ainda quando candidatos, assumiram compromissos com a defesa da Zona Franca. Rodrigo já demonstrou, na prática, este compromisso –, disse Avelino.

    O ex-deputado pode estar certo. Em vídeo divulgado nas redes sociais do senador Omar Aziz (PSD), Alcolumbre jura de pés juntos que está comprometido com o Amazonas.

    Eu prometo

    No vídeo, o presidente, que deu rasteira em Renan Calheiros (MDB), garante que, enquanto ele estiver na cadeira da presidência, a Zona Franca estará blindada.

    — Agora, eleito presidente do Senado Federal, quero me comprometer com o estado do Amazonas. A Zona Franca é prioridade. É uma pauta do presidente do Senado –, prometeu Alcolumbre.

    Deixa comigo

    Para que ninguém tenha dúvidas quanto a isso, o senador frisou bem.

    — Tenha todas as garantias que, enquanto eu estiver na presidência do Senado, a ZFM será respeitada pelos poderes.

    Pé no governo

    Pauderney disse ao Contexto que nunca foi convidado a assumir a Zona Franca de Manaus.

    Foi, sim, convidado pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) a assumir um cargo no governo federal.

    — Ainda estamos em fase de diálogo.

    1X0 pra gente!

    Para o senador Plínio Valério (PSDB), a Zona Franca de Manaus ainda não está protegida, mas ganhou um grande aliado.

    — Protegida, não, mas ganhamos um grande aliado. E isso pode nos render bons frutos, pois ele, por ser da região, conhece os nossos problemas.

    Grupo Escolar Senado

    O senador Omar Aziz (PSD) comparou a sessão do senado de sexta-feira, para escolher o novo presidente, a uma “reunião de grêmio estudantil”.

    — Infelizmente, o processo acirrado de perda de poder de alguns, geralmente as pessoas extrapolam.

    A ira dos caciques

    Com a vitória de Alcolombre, o governo terá agora um aliado de primeira hora na presidência do Senado.

    Porém deve enfrentar a ira de caciques históricos do MDB, que sempre comandaram a Casa — e suas principais comissões —, agora derrotados.

    Mal na foto

    Eduardo Braga (AM) decidiu ser fiel a Renan e saiu chamuscado do processo.

    Considerado um desses caciques do MDB, ele, Jader Barbalho (PA) e Renan não votaram, além de Maria do Carmo (DEM-SE), e ficaram mal na foto.

    Mistério

    O conteúdo da mensagem governamental, que será lida por Wilson Lima (PSC) nesta terça-feira (5) na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), é uma incógnita.

    CONTEXTO tentou ter acesso às informações, mas ouviu um não contundente da Secretaria de Comunicação do Estado.

    Decifrando

    Por mais que haja mistério, é inevitável que Lima aborde a crise na saúde, as ações sobre segurança pública e educação.

    Outro ponto é demonstrar a real situação das contas do Estado.

    Mamãe eu quero

    O vereador de Manaus Chico Preto (PMN) declarou que pretende fazer parte da Comissão de Constituição de Justiça e Redação (CJJR) da Câmara Municipal de Manaus.

    A avaliação do parlamentar é de que seu conhecimento jurídico pode contribuir com a qualificação dos despachos da CJJR.

    O que é?

    A CCJR tem a finalidade de discutir e analisar as proposituras, priorizando as de relevância, alcance e impacto social, opinando sobre o aspecto constitucional, legal e jurídico, de redação e técnica legislativa.

    Essa, sem dúvidas, é uma das comissões mais visadas e importantes de qualquer parlamento.

    Comissões indefinidas

    Segundo o presidente do legislativo municipal, Joelson Silva (PSDB), a escolha dos presidentes e membros titulares das comissões permanentes da CMM serão definidos a partir da próxima segunda-feira (11).

    Identificação

    A definição dos membros, segundo Joelson, levará em consideração a coerência e a identificação de cada vereador com suas respectivas áreas de atuação.

    Tchau Kombi!

    O agora deputado federal José Ricardo (PT), que, quando era deputado estadual, fazia suas reuniões nas praças da cidade e utilizava uma Kombi para conversar com a população, agora mudou de palanque.

    Zé do auditório

    No próximo sábado, ele fará um evento no auditório da UEA na Djalma Batista, para ouvir sugestões e propostas dos amazonenses para compor as ações de seu mandato em Brasília.

    O “mandato participativo” – como foi batizado o encontro – será às 9h.

    Você gosta das Notas da Contexto? Então leia mais:

    Josué promete ser fiel a Wilson Lima

    'Sou do MDB e vou apoiar candidatos do MDB', diz Eduardo Braga

    Deixando para trás velhas “raposas”, Josué Neto se consolida na Aleam

    Comentários